Faurecia expande-se em Nelas e contrata 140 trabalhadores

O presidente da Câmara de Nelas anunciou hoje em reunião de Câmara mais um investimento de expansão no concelho A multinacional Francesa Faurecia, que fabrica componentes para a indústria automóvel, irá avançar com um investimento que elevará o seu volume de negócios acima de 100 milhões de euros, dos quais 80% para exportação.

Borges da Silva revelou que “A Faurecia terá que ter este novo projeto a funcionar até Julho e irá contratar cerca de 140 trabalhadores, passando para uma força de trabalho de 250 pessoas”. Ao que apurámos, a realização deste investimento está relacionada com um dos seus principais clientes – a norte americana Ford.

Ministro da Economia desloca-se a Nelas. Visitas à Borgstena, Movecho e Faurecia na agenda

O Ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, vai acompanhar o 3º Seminário de Empreendedorismo promovido pela Câmara Municipal de Nelas, no próximo dia 3 de Maio, que inclui uma visita a três das mais importantes unidades industriais instaladas no concelho : Borgstena, Movecho e Faurecia.

Borges da Silva adiantou ontem ao nosso jornal, à margem da apresentação do Rali Vinho do Dão, que irá revelar a estratégia do município para a industrialização do concelho, nos próximos 20 anos, em opções estratégicas que irão incluir duas novas áreas de acolhimento empresarial.image001

Jorge Coelho inicia a obra da Queijaria Vale da Estrela. Inauguração prevista para Setembro com criação de 20 empregos

Na passada sexta-feira, dia 15 de abril, foi celebrado o auto de consignação que simbolizou oficialmente o arranque dos trabalhos da Queijaria Vale da Estrela. Trata-se de um investimento de cerca de 1.200.000€ do empresário e antigo ministro, o mangualdense Jorge Coelho. O momento contou com a presença de Jorge Coelho e do Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo.

A intervenção, da responsabilidade da Empresa MAP Engenharia, Lda., tem a duração prevista de cinco meses e a entrada em funcionamento da queijaria deverá acontecer em finais de setembro do corrente ano. Nessa altura iniciará a receção de Leite e respetiva produção de Queijo Serra da Estrela DOP (Denominação de Origem Protegida) certificado e de Requeijão Serra da Estrela DOP.

A obra é financiada pela Caixa Económica Montepio Geral e tem como parceiro estratégico, relativamente a produção e recolha de Leite de Ovelha Bordaleira Serra da Estrela, a COAPE – Cooperativa Agro-Pecuária dos Agricultores de Mangualde.

Esta será a primeira queijaria tradicional do concelho de Mangualde. A nova unidade terá a designação de Queijaria Vale da Estrela e, numa primeira fase, vai criar 20 postos de trabalho sendo uma alavanca para a economia local. Com cerca de 950 metros quadrados, este novo espaço vai servir para produzir regularmente Queijo Serra da Estrela DOP certificado. O modelo da unidade vai incluir uma mezzanine, que permite que seja visível do exterior o fabrico do queijo, por forma a promover as visitas por parte de escolas e atrair o turismo.

Texla é líder Europeia no fabrico de tecidos laminados e emprega 30 pessoas em Carregal do Sal

“Portugal continua a ser um ponto estratégico para o grupo Texla”, afirmou recentemente o presidente do Grupo Sueco, Pär Palmgren. Sedeado em Gotemburgo (Suécia), o Grupo possui unidades de produção em Portugal, Bélgica e República Checa. A filial portuguesa, localizada em Carregal do Sal, dedica-se à produção de tecidos laminados, maioritariamente para a indústria automóvel.

Atualmente a fábrica tem 30 trabalhadores e perspectiva a expansão das suas instalações para aumentar a área de corte. A empresa-mãe na Suécia já reconheceu que a unidade portuguesa demonstra “um grande know how e uma excelente capacidade para desenvolver relações de confiança, que se revelam muito importantes neste negócio”. “É uma excelente equipa de trabalho, estão connosco há muitos anos e são, sem dúvida, uma mais-valia para o Grupo Texla”, sublinhou Pär Palmgren.

Fundada em 1962, a Texla é hoje um dos “players” mais experientes do setor, afirmando-se como a maior empresa privada independente da Europa a fabricar tecidos laminados. Atualmente fornece as grandes empresas mundiais do setor automóvel, com produtos laminados.

O presidente da Câmara de Carregal do Sal, Rogério Abrantes, acompanhado da sua vereadora, Ana Cristina Borges, visitaram ontem a empresa, inteirando-se da sua estratégia,produtos, processo produtivo e colaboradores. Esta visita foi por nós também acompanhada, depois de termos respondido afirmativamente ao convite dirigido pela empresa.