Delegação da Cruz Vermelha em Oliveira do Conde reativada

A extinção e encerramento da Delegação da Cruz Vermelha de Oliveira do Conde aconteceu num contexto processual da Cruz Vermelha Portuguesa. De lá até agora, muito se tem dito e escrito, acusando-se tudo e todos, inclusive a Câmara Municipal, de inoperância e de falta de ação.

Como temos vindo a referir, desde a primeira hora, a Câmara Municipal foi sensível ao problema e foi estabelecendo contactos com a Direção Nacional da Cruz Vermelha Portuguesa. Tratando-se de um assunto demasiado importante, com cautela e acima de tudo com bom senso, sem propagandas, foi possível mostrar a importância da permanência da Cruz Vermelha no Concelho de Carregal do Sal.

Todo o trabalho desenvolvido, com rigor e empenho, pela Câmara Municipal de Carregal do Sal teve os seus frutos. Numa reunião ocorrida na Câmara Municipal, no passado dia 7 de abril, em que estiveram presentes o Presidente Nacional da Cruz Vermelha Portuguesa Dr Francisco George e a Secretária Geral Enga Susana Marques foram dados a conhecer os pressupostos do regresso da Cruz Vermelha ao nosso concelho. Será criada uma nova delegação que passará a designar-se Delegação da Cruz Vermelha do Concelho de Carregal do Sal, que ficará sediada em Oliveira do Conde.

A criação desta nova delegação obedecerá aos procedimentos internos da Cruz Vermelha Portuguesa e tem na Câmara Municipal um parceiro muito próximo no auxílio a todo esse processo.

Pensamos tratar-se de uma excelente notícia para o concelho de Carregal do Sal em geral e para a freguesia de Oliveira do Conde em particular.

O Presidente,

Rogério Mota Abrantes

Nelas.Ana Mendes (Agente Imobiliária) está otimista

Os últimos 12 meses revolucionaram o mundo e a economia, trazendo profundas mudanças aos mercados. A pandemia centrou as atenções em 2020, com impacto também no ramo imobiliário.

Portugal confinou-se em casa e muitos descobriram que o local onde viviam estava longe de ser o espaço ideal. Por seu turno, outros decidiram ir viver para segundas residências, com a crescente afirmação do teletrabalho. Os negócios continuaram com evolução positiva, e Portugal manteve-se atrativo para os investidores.

Ana Mendes, Agente Imobiliária, com estabelecimento próprio em Nelas, dá-nos conta da realidade que se vive no setor e mostra-se “bastante confiante”.

Trabalha no mercado imobiliário há quantos anos?

Estou no mercado imobiliário há 23 anos, inicialmente como funcionária da
então empresa “Beiraneves”, e numa fase posterior empresária em nome
individual, com a Imobiliária “Ana Mendes”.

Que balanço faz da sua atividade em 2020 e do mercado imobiliário na
sua área de atuação, com maior ênfase para o concelho de Nelas?

Contrariamente às previsões, o saldo foi bastante positivo. Tendo em
conta que a construção parou no concelho há alguns anos, e por vezes
as opções são reduzidas, e ainda com a agravante do confinamento, acabou por ser um ano com muita procura, tendo corrido muito bem.

Como arrancou o ano de 2021 e que perspetiva para este ano e para
2022?

Inicialmente receei alguma contração, mas neste momento estou
otimista, pois existe uma procura constante, não só de pessoas que
querem sair dos grandes centros urbanos para se fixarem em zonas mais
rurais, talvez para usufruirem de mais tranquilidade e de uma outra
qualidade de vida, que passa por poderem respirar um ar mais puro e
terem mais liberdade de movimentação, como também de pessoas residentes no concelho que procuram mudanças.

Aguardo que o ano de 2022 siga o mesmo rumo, no entanto era importante
o arranque de alguma construção, pois corre-se o risco de a procura ser
maior que a oferta, algo que já se começa a verificar atualmente.

Estou bastante confiante!

Qual o segmento em que está a registar maior procura?

É difícil de dizer. Tem sido muito diversificado, existe um leque
variado de clientes, depende muito do fim a que destina o imóvel:
investimento, habitação própria ou casa de férias. É tudo muito relativo.
Tem havido procura um pouco para todas as tipologias.

No que respeita ao mercado do arrendamento, tem sido uma mais valia para
os bons resultados neste último ano, e com tendência a manter-se, pois
contrariamente à tendência nacional, as rendas no nosso concelho têm
vindo a subir, uma vez que a procura é superior à oferta.

Contactos:

Ana Maria Mendes
Rua Gago Coutinho, 38 – 3520 – 057 Nelas
Telm.: 967294188
E-mail: [email protected]

Grande Reservatório de Água do Concelho de Nelas em fase de conclusão

Está em fase de acabamentos a construção do Grande Reservatório de Água do Concelho de Nelas, com capacidade de 4.000m3, dando autonomia ao abastecimento em todo o Município de 48 horas.
O investimento de 1,7 milhões de euros, financiado em cerca de 1 milhão de euros pelo POSEUR/PT2020, entrará em funcionamento em Junho próximo, estando dotado de telegestão na ligação aos outros reservatórios, substituindo o sistema manual que atualmente, e desde 40 do Século XX, existe no Município.
Nota: Foto de 12 de abril 2021
Nota da Câmara Municipal de Nelas

Viseu: Chuva regressa amanhã, terça feira, e permanece até sexta feira

Chuva veio para ficar no Distrito de Viseu.

Segundo as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), a precipitação deverá acontecer entre terça e sexta-feira.

Amanhã, terça-feira (dia 13), a chuva regressa. As temperaturas vão subir para entre os 11 e os 18 graus.

Na quarta-feira (dia 14), a temperatura máxima descerá para os 17 graus. Na quinta-feira (dia 15), a temperatura mínima subirá para os 12 graus.

Na sexta-feira (dia 16), regressa o sol a Viseu, que terá ainda períodos de chuva fraca à tarde, de acordo com as previsões do IPMA. A temperatura máxima vai aumentar para os 20 graus. A mínima vai descer para os 11 graus.

No fim de semana, haverá períodos de céu pouco nublado em Viseu, com temperaturas entre os 8 e os 19 graus. A chuva regressa na próxima segunda-feira (dia 19).

R&Nsecurity (Carregal do Sal) assinala seis anos de existência

A empresa R&Nsecurity,no âmbito da sua política de crescimento, coincidente com a comemoração marcante de seis anos de existência, vê aumentada a sua capacidade logística e de implementação no mercado Regional.

Sediada em Carregal do Sal, pretende alargar a sua base logística de aproximação aos seus clientes, com a abertura de um espaço físico na cidade de Tondela.

A empresa está credenciada e especializada no ramo da instalação e manutenção de sistemas de segurança, nomeadamente:

  • Alarmes
  • Vídeo vigilância
  • Vídeo porteiro
  • Sistemas de incêndio
  • Sinalética
  • Extintores

Detentora de certificação pela ANEPC, SIGESP e IMPIC, os serviços prestados, maioritariamente ocorrem, em termos geográficos, nos distritos de Viseu, Coimbra e Aveiro.

“Tendo a clara noção que cada um de nós e cada um de vós, tudo faz por forma a zelar pela segurança dos seus bens, a R&Nsecurity foi criada com o propósito de dar resposta eficaz à resolução das suas preocupações”, revelou ao nosso jornal Nuno Elias.

“As suas inquietações de segurança, são resolvidas com um gesto tão simples, quanto eficaz: Contacte-nos. Peça-nos um orçamento. Solicite os nossos serviços. A segurança com total eficácia, é o nosso lema”, conclui.

Bicicleta do Colcurinho para apreciar a paisagem

Sabemos que a paisagem no topo do Monte do Colcurinho é arrebatadora e fala por si. Mas a partir de agora, os visitantes encontram um novo local para a fruir e tirar fotografias ainda mais espetaculares.

O Município de Oliveira do Hospital, com a colaboração da Junta de Freguesia de Aldeia das Dez e a Irmandade de Nossa Senhora das Preces, instalou a Bicicleta do Colcurinho e lança o desafio aos visitantes: suba na Bicicleta do Colcurinho e aprecie a viagem sensorial proporcionada por esta paisagem que é ponto de chegada da Subida Épica do Colcurinho.

A Bicicleta do Colcurinho está instalada numa plataforma giratória podendo o utilizador escolher qual o lado que pretende observar e fotografar. Certamente que o difícil vai ser escolher entre o horizonte e/ou a Capela no alto do Colcurinho, lugar de romagem em honra de Nossa Senhora das Necessidades.

Descubra o Monte do Colcurinho onde “se toca o céu” e que oferece uma das melhores panorâmicas a 360 graus num local de beleza ímpar onde o horizonte se estende às Serras da Estrela, Açor, Caramulo e Montemuro. E no final partilhe as suas fotografias nas redes sociais utilizando a hashtag #bicicletadocolcurinho.

O Município de Oliveira do Hospital apela aos visitantes que fotografem e façam uma utilização do equipamento com responsabilidade. Respeite o equipamento e o património natural.

Município de Oliveira do Hospital, 12 de abril de 2021

CPCJ de Carregal do Sal com diversas iniciativas em abril

Serei o que me deres… que seja Amor”…
Despertar consciências, sensibilizar, prevenir… são palavras de ordem a reter de forma ainda mais vincada no Mês da Prevenção dos Maus Tratos na Infância – abril.
Por isso, a CPCJ de Carregal do Sal sensibiliza a comunidade para esta problemática com o recurso a diversas iniciativas:
– No Largo junto ao Julgado de Paz – a colocação de um laço azul;
– Iluminação, a cor azul, do edifício dos Paços do Concelho;
– Colocação de Tarjas no edifício dos Paços do Concelho e em todos os estabelecimentos escolares do Agrupamento de Escolas;
– No portal e facebook da Autarquia e da CPCJ – a publicação de um vídeo com mensagens elaboradas por crianças/jovens do Agrupamento de Escolas de Carregal do Sal e a exibição do filme da Comissão Nacional da Promoção dos Direitos e Proteção das Crianças e Jovens.

Carregal do Sal está neste momento com 180 casos por 100 000 habitantes

§Nos últimos 14 dias, Carregal do Sal somou 18 novos casos. A população do Concelho, como consta no sítio da Autarquia na internet, é de 10 mil habitantes. Assim, se o indicador definido pelo Governo fosse calculado, ontem, 11 de abril, para os últimos 14 dias, registar-se-ia uma incidência de 180 novos casos acumulados por 100 000 habitantes, bem acima do limite de 120 casos, mas com um redução face aos mais de 240 casos verificados na última contagem.

A terceira fase de desconfinamento em Portugal, que está a ser feita pelo Governo de forma faseada, acontece a 19 de abril, ou seja, dentro de uma semana. Contudo, os 19 concelhos que superavam o limiar de 120 casos por 100 mil habitantes poderão ver o alívio das restrições ser suspenso, pelo menos parcialmente. E há 64 municípios limítrofes que também poderão ser afetados. 

Em termos de população, se os 19 concelhos acima do limite somam um total de 391.942 residentes, segundo os dados mais recentes do INE, os 64 municípios limítrofes têm uma população de 1.350.297 habitantes.

A lista das 19 autarquias que superam os 120 casos por 100 mil residentes inclui seis concelhos onde a incidência é maior do que 240 casos.

Na lista divulgada pelo primeiro-ministro os seis concelhos neste patamar são: Carregal do Sal, Moura, Odemira, Portimão, Ribeira de Pena e Rio Maior.

Os concelhos com mais de 120 casos por 100 mil residentes nos últimos 14 dias a 31 de março são os seguintes:

Alandroal
Albufeira
Beja
Borba
Cinfães
Figueira da Foz
Figueiró dos Vinhos
Lagoa
Marinha Grande
Penela
Soure
Vila do Bispo
Vimioso

Concelhos limítrofes de municípios com 120 ou mais casos por 100 mil habitantes:

Alcobaça
Aljezur
Aljustrel
Alvaiázere
Ansião
Arouca
Azambuja
Baião
Barrancos
Boticas
Bragança
Cabeceiras de Basto
Cadaval
Caldas da Rainha
Cantanhede
Castanheira de Pêra
Castelo de Paiva
Castro Daire
Castro Verde
Condeixa-a-Nova
Cuba
Elvas
Estremoz
Ferreira do Alentejo
Ferreira do Zêzere
Lagos
Leiria
Loulé
Lousã
Macedo de Cavaleiros
Mértola
Miranda do Corvo
Miranda do Douro
Mogadouro
Monchique
Mondim de Basto
Monforte
Montemor-o-Velho
Mourão
Nelas
Oliveira do Hospital
Ourique
Penafiel
Pedrógão Grande
Pombal
Portel
Porto de Mós
Redondo
Reguengos de Monsaraz
Resende
Santa Comba Dão
Santarém
Santiago do Cacém
Serpa
Sertã
Silves
Sines
Tábua
Tondela
Vidigueira
Vila Pouca de Aguiar
Vila Real
Vila Viçosa
Viseu

OPINIÃO POLÍTICA: Esperamos surpresas em Carregal do Sal

O desenho político neste momento no município Carregalense.

Luís Fidalgo (PSD) e Paulo Catalino (PS), disputam presidência da Câmara.

Bloco de Esquerda (BE), com Hermínio Marques, e Iniciativa Liberal (IL), que pondera avançar com um ex Vice de Atílio Nunes, poderão vir a ter peso eleitoral, com candidatos prestigiados no Concelho.

Surpreendeu (ou talvez nem tanto), mas o certo é que o atual presidente da Câmara de Carregal do Sal e da CIM Viseu Dão Lafões, Rogério Abrantes, perdeu para o médico Paulo Catalino a possibilidade de se recandidatar a um terceiro e último mandato, como era seu desejo (embora tenha repetido, em várias Assembleias Municipais, que não o pretendia fazer). E isto quando as diretivas nacionais do PS são claras no sentido de reconduzir a recandidatura dos atuais Autarcas, salvo casos excepcionais. São sempre as sondagens internas que ditam as escolhas. Terão sido claramente mais favoráveis ao também presidente da Concelhia. Ou seja, na nossa opinião, e a concretizar-se tudo isto, Rogério Abrantes sai da política local pela porta pequena! Mas pode não sair. Em jeito de sátira, ou talvez não, até já o vimos, nas redes sociais, associado a uma candidatura do CHEGA ! Lembramos que Abrantes é militante do PSD, ao que sabemos com quotas em dia, e como avançámos chegou a ser hipótese no seu partido de sempre.

Assim, prevemos uma disputa muito interessante no concelho Carregalense, com a divisão interna dos socialistas. Pelo PSD, vai avançar o advogado Luís Fidalgo, que terá com cabeça de lista à Assembleia Municipal, o médico Vasco Jorge Almeida. Ambos foram Vice Presidentes da Câmara, nos mandatos do histórico Atílio Nunes, e o partido está unido em torno destes dois nomes.

Paulo Catalino estreia-se nestas lides, é natural de Tabuaço, mas está envolvido em várias instituições do Concelho, desde logo no Centro de Sáude, do qual é o atual Coordenador. Também é presidente do Clube de Futebol. Luís Fidalgo  é natural de Cabanas de Viriato. Destes dois candidatos deverá sair, se o “normal” acontecer, o novo presidente da Câmara.

Um médico e um advogado já conhecidos como candidatos à presidência da Câmara. Hermínio Marques, um professor, natural de Carregal do Sal,  diretor do Agrupamento de Escolas do Concelho, durante vários anos, vai encabeçar a lista do BE, faltando apenas a confirmação oficial. Saúde, Justiça e Educação. De alguma forma, estarão também em jogo. E de todas, a sociedade precisa e muito. Mas também se perfila um empresário …

Isto porque, os partidos emergentes, mais jovens, podem aparecer. Sabemos que a IL poderá ir a votos, sendo Telmo Lopes um possível candidato à presidência da Câmara. Lembramos que este empresário Carregalense, foi Vereador e Vice presidente da Câmara, no último mandato de Atílio Nunes, pelo PSD. Telmo Lopes tem expressão e interesses em vários concelhos no Centro de Portugal, em áreas tão diversas como consultoria, contabilidade, trabalho colaborativo e formação profissional.

CDS e Chega são ainda uma incógnita, mas, no caso do partido de André Ventura, este já sinalizou que irá apresentar candidaturas em todos os 308 concelhos do país. O CDS costuma apresentar listas nas autárquicas em Carregal do Sal.

José Miguel Silva

DIRETOR

Cabanas de Viriato não vai concluir a época desportiva na AF Viseu

Comunicado do Sport Cabanas de Viriato e Benfica na sua página no Facebook:
O Sport Cabanas de Viriato e Benfica, vem por este meio informar todos os sócios, simpatizantes, adeptos e patrocinadores que não irá continuar a competir para finalizar a época 2020/ 2021.
Depois de muito analisar os prós e contra de continuar a competição,chegou-se a conclusão que seria melhor terminar.
Agradecemos a todo o plantel, equipa técnica e massagista todo o empenho que tiveram tanto em treinos como nos jogos onde sempre se empenharam o máximo para dignificar o nome do Sport Cabanas de Viriato e Benfica.
Agradecemos aos nossos sócios e adeptos que mesmo sem poderem estar conosco no campo, tudo fizeram para se fazer ouvir no apoio em cada jogo.
Agradecemos aos nossos patrocinadores e amigos pelo apoio que nos deram.
Agradecemos a todas as coletividades e empresas que sempre que foram solicitadas disseram presente.
Agradecemos também à Junta de Freguesia de Cabanas de Viriato e à Câmara Municipal de Carregal do Sal, que de uma forma ou outra sempre atenderam aos nossos pedidos.
Continuaremos a trabalhar para na próxima época regressar mais fortes e com vontade de continuar a honrar o nome do Sport Cabanas de Viriato e Benfica.
SCVB sempre.

Salva por um militar da GNR em Nelas

Um militar do Posto Territorial de Viseu, que se encontrava de férias, ontem, dia 9 de abril, salvou uma mulher de 56 anos que se encontrava presa no interior de um veículo que tinha caído ao Rio Mondego, no concelho de Nelas.

O militar deslocava-se na Estrada Nacional 231 quando, ao chegar à ponte sobre o Rio Mondego em Póvoa de Luzianes, constatou que o gradeamento lateral da ponte fora derrubado e que um veículo se encontrava dentro da água. De imediato, o militar da Guarda deslocou-se até à margem do rio, onde verificou que no interior do veículo se encontrava uma mulher, muito perturbada e aos gritos, a pedir socorro. Perante esta situação, o militar, sem hesitação e munido de uma corda, atirou-se à água e nadou até à viatura com o auxílio de três populares que ali se encontravam.

Quando chegou junto da viatura, o militar constatou que a mulher ainda se encontrava consciente e, com o auxílio de populares que lhe facultaram uma segunda corda, retirou-a para fora do veículo, transportando-a em segurança a nado até à margem do rio.

A mulher foi assistida no local por um médico que se encontrava de passagem naquele local, acabando por ser transportada pelos Bombeiros Voluntários de Nelas a uma unidade hospitalar para observação.

A ação do nosso militar foi providencial para que tivesse sido possível salvar uma vida humana.

Nota de Imprensa do Comando Distrital da GNR de Viseu

Museu Municipal recupera a confeção de broa de milho à moda antiga

Despertar consciências e sensibilizar para a necessidade de proteger e valorizar o património material e imaterial norteiam a comemoração do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, que se assinala no próximo dia 18 de abril.
Este ano, a Câmara Municipal de Carregal do Sal, através do Museu Municipal Manuel Soares de Albergaria, volta a associar-se à efeméride que, em 2021, elegeu o mote PASSADOS COMPLEXOS: FUTUROS DIVERSOS para esta celebração.
E a iniciativa vai certamente surpreendê-lo… Vamos refletir sobre o passado e simultaneamente projetar um futuro mais solidário e mais inclusivo.
No dia 18 de abril, vamos recordar online, às 15horas, no portal e redes sociais do Município, “como cozer o pão, à moda antiga”, com o precioso contributo do Grupo Folclórico d’Alegria de Vila Meã.
O delicioso produto será distribuído pelas IPSS do Concelho.

Covid-19.Carregal do Sal continua na zona vermelha

Os concelhos de Carregal do Sal e Penalva do Castelo estão acima do limite estipulado pelo Governo, para poderem passar à terceira fase de desconfinamento. Terão que ter um máximo de 120 casos por 100 mil habitantes, nos 14 dias anteriores.

De acordo com o balanço desta sexta-feira (9 de abril) ,da Direção-Geral da Saúde (DGS), Carregal do Sal está com uma taxa de incidência de 227 casos por 100 mil habitantes nas últimas duas semanas. Já Penalva do Castelo regista uma taxa de 126 casos. Cinfães já conseguir situar-se abaixo do limiar.

Mangualde e Carregal do Sal terminam participação na Divisão de Honra

Associação de Futebol de Viseu fez saber, em comunicado, quais as equipas que não vão disputar os jogos que faltam para concluir a época 2020-2021.

Na Divisão De Honra, das 18 equipas que iniciaram a temporada, apenas Mangualde e Carregal do Sal ficam de fora na reta final da competição, que era de inscrição facultativa, ou seja, sem penalização de descida.

Ricardo Lopes, presidente do Mangualde, em declarações ao Jornal do Centro, justifica esta decisão com o facto “de não haverem condições, quer desportivas quer financeiras, para retomar a competição”. O responsável lembra que “a retoma irá ser feita, novamente, com a ausência de pública e com uma série de constrangimentos que foram decretados pela Direção Geral de Saúde”.

O presidente do Mangualde salienta ainda que “a instabilidade que se vive nos quadros competitivos da AFV”, é outro dos motivos para não competirem. Ricardo Lopes lembra que “este é o terceiro modelo competitivo que a direção da AFV decidiu implementar este ano” e, “por tudo isto, entendemos que não estão reunidas as condições de estabilidade que um clube de futebol precisa para estar em competição”.

Paulo Catalino, presidente do Carregal do Sal, também explicou o porquê da decisão: “O campeonato devia ser repensado tendo em conta o momento que vivemos de pandemia”.

“A grande parte das associações desportivas, vivem muito do apoio que as câmaras municipais dão às coletividades desportivas. Não havendo futebol das camadas jovens, as verbas que a gente vai conseguindo ter para o ano desportivo, são escassas”, explica.

Paulo Catalino assume que era “uma loucura” e “muito insensato, colocar uma equipa que, neste momento, não tem condições financeiras para poder praticar o desporto, num campeonato que tem de tudo, menos bom senso”.

“A nova norma que saiu da Direção Geral de Saúde, que obriga a que haja necessidade de fazer os testes [à Covid-19], e que são mais um custo para os clubes, acabam por ainda agravar mais a situação financeira dos clubes”, salienta.

Na zona norte da Primeira Divisão Distrital de futebol, as 13 equipas que iniciaram a temporada, vão todas continuar em competição. O mesmo não acontece na zona sul, onde dos 14 clubes iniciais, apenas nove vão continuar a competir. Besteiros, Vale de Madeiros, Cabanas de Viriato, Os Ciências e Santar, foram as equipas que optaram por não integrar a competição facultativa.

A Taça Distrital de Futebol de Sub-21, que foi criada para as camadas jovens que estão sem competir há mais de um ano, vai ser disputada por 18 equipas. A mesma adesão não se verificou no futsal, onde apenas três equipas vão disputar esta competição para os escalões de formação.

Na Divisão de Honra de futsal, todas as equipas aceitaram continuar em competição. A zona norte é composta por oito clubes, enquanto que a zona sul vai contar com sete equipas em prova.

No futsal feminino, a Primeira Divisão Distrital, que ainda não tinha arrancado, vai ser disputada por oito equipas, divididas em duas séries, norte e sul, cada uma composta por quatro clubes.

A Associação de Futebol de Viseu diz que “os regulamentos, formatos competitivos e calendários a aplicar em cada uma das provas, serão publicados na próxima semana”. “Os sorteios de cada competição vão ter lugar entre 19 e 21 de abril”, lê-se no comunicado oficial.

 

Terrenos disponíveis para quem quer investir num projeto agropecuário

COAPE abre nova edição da Bolsa de Terras

É a oportunidade para arrancar com um novo projeto agropecuário para todos os empreendedores que têm a ideia, mas falta-lhes o terreno. Já abriu a nova edição da Bolsa de Terras de Mangualde, uma iniciativa da COAPE – Cooperativa Agropecuária dos Agricultores de Mangualde em parceria com o Município. Disponíveis estão cerca de 14 hectares, as rendas são simbólicas e o período de carência pode chegar aos cinco anos.

Com esta iniciativa pretende-se dar nova vida aos terrenos e fazer despertar novos projetos no mundo rural. Há terrenos disponíveis em Santiago de Cassurrães, Cunha Baixa e Espinho, no concelho de Mangualde, Senhorim, no concelho de Nelas e Vila Nova de Tazem, no concelho de Gouveia.

Os interessados têm até ao dia 16 de abril para formalizar a intenção em concorrer ao processo. Depois terão a oportunidade de agendar uma visita aos terrenos. Finalmente, entre os dias 20 e 27 de abril, decorre o prazo para a submissão da inscrição final, para efeitos de atribuição de terrenos da Bolsa de Terras de Mangualde.

Nesta primeira fase, a intenção deve ser formalizada via email, através do adereço: [email protected].  Na informação os interessados devem remeter o nome completo, o contacto telefónico, o número de contribuinte, a data de nascimento, a morada e a naturalidade.

Depois da visita, a inscrição final deve ser enviada através do mesmo endereço. Aí os interessados devem preencher a ficha de inscrição e indicar por ordem de preferência os terrenos que pretendem arrendar.

O regulamento, o aviso de abertura e a ficha de inscrição estão disponíveis no website da COAPE: www.coape.pt.  Para mais informações os interessados podem contactar diretamente para: 930505428 | 965218193.

Jorge Coelho: Cortejo fúnebre de Lisboa para Mangualde

O velório de Jorge Coelho, que faleceu na quarta-feira, realizar-se-á na Basílica da Estrela, em Lisboa, esta sexta-feira. O funeral terá lugar no sábado, com uma missa, e o seu corpo ficará no jazigo de família no cemitério de Santiago de Cassurrães, no município de Mangualde. Lembramos que a autarquia decretou três dias de luto municipal.

Fonte do PS adiantou à agência Lusa que o velório na Basílica da Estrela terá lugar a partir das 19:00, e que no sábado, pelas 08:30, haverá uma missa, antes de o cortejo fúnebre seguir para Mangualde.

Jorge Paulo Sacadura Almeida Coelho, ministro nos dois governos liderados por António Guterres (1995/2002), faleceu aos 66 anos, na Figueira da Foz, vítima de ataque cardíaco fulminante.

Nelas. Queda de carro na Ponte do Mondego (EN231) provoca um ferido

Foi pelas 7h45, que o alerta foi comunicado. Estiveram envolvidos na operação de resgate 16 operacionais e sete viaturas.

O despiste de um carro provocou hoje, 9 de abril, um ferido ligeiro na nacional 231, Ponte do Mondego, que liga Nelas a Seia. O carro caiu ao rio, depois da condutora perder o controlo do mesmo.

Foi o proprietário de um restaurante, junto ao local, que deu o alerta, depois de assistir ao acidente, acabando por ir em auxílio da condutora antes das autoridades chegarem, confirmou o pai da vítima.

Distritos em aviso amarelo devido a chuva forte e trovoadas

Catorze distritos de Portugal continental estão hoje sob aviso amarelo devido à previsão de aguaceiros que poderão ser fortes e acompanhados de trovoadas, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Bragança, Viseu, Aveiro, Guarda, Castelo Branco, Coimbra, Santarém, Portalegre e Leiria vão estar sob aviso amarelo entre as 11:00 e as 22:00 de hoje e Lisboa entre as 12:00 de hoje e as 00:00 de sábado.

O IPMA emitiu o aviso amarelo para aqueles distritos devido à previsão de aguaceiros, localmente fortes e acompanhados de trovoadas, que poderão ser ocasionalmente de granizo, especialmente nas regiões do interior.

O aviso amarelo é emitido pelo IPMA sempre que existe risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

O IPMA prevê para hoje no continente céu geralmente muito nublado e aguaceiros, mais frequentes a partir do meio da manhã, que poderão ser localmente fortes, acompanhados de trovoada e ocasionalmente de granizo, em especial nas regiões norte, centro e Alto Alentejo.

A previsão aponta ainda para vento fraco a moderado do quadrante sul, temporariamente moderado a forte nas terras altas até final da tarde, pequena subida da temperatura mínima e descida da máxima nas regiões norte e centro.

As temperaturas mínimas vão oscilar entre os 07 graus Celsius (em Braga e Bragança) e os 15 (em Faro) e as máximas entre os 13 graus (na Guarda) e os 23 (em Leiria).

Município de Nelas: Edil entrega 20 novos cartões sénior

O Cartão Sénior ganha cada vez mais beneficiários.
Hoje, a Câmara Municipal de Nelas, na pessoa do seu Presidente, José Borges da Silva, procedeu à entrega de mais 20 novos cartões repletos de vantagens, elevando, assim, o número de beneficiários a 600 seniores do Município, que podem usufruir de um conjunto de benefícios e descontos em cerca de 107 estabelecimentos de comércio, serviços e indústrias do Concelho de Nelas.
Este momento foi também aproveitado pelo Presidente da Câmara e pelos Técnicos da Ação Social para um breve diálogo com os Munícipes e explicar o modo de utilização do cartão, que constitui mais uma resposta social face às necessidades da população mais idosa, contribuindo para a melhoria do seu bem-estar e qualidade de vida, fomentando o desenvolvimento pessoal e social e envelhecimento ativo, constituindo-se, ainda, como uma forma de apoio no estímulo às compras de bens e serviços no comércio tradicional existente no Concelho.
O Cartão Sénior é disponibilizado a todos os residentes e/ou naturais do Concelho de Nelas, com idade igual ou superior a 66 anos, de forma totalmente gratuita.
Se ainda não aderiu ao Cartão Sénior Municipal, poderá fazê-lo junto do Balcão Único, na Loja do Cidadão da Câmara Municipal de Nelas.
Inscreva-se!