Amarelo Silvestre sobe ao palco na Guarda com “Fluxodrama”

A Amarelo Silvestre na Guarda pela primeira vez. / Amarelo Silvestre in Guarda for the first time.

O espectáculo Fluxodrama está de volta, a 16 de Junho, com apresentações no Teatro Municipal da Guarda, às 10h00 e às 19h00. É a primeira vez que a Amarelo Silvestre apresenta um trabalho seu na Guarda e no Teatro Municipal local.
Fluxodrama é uma abordagem performativa à contemporaneidade permanente de assuntos universais. Assuntos Políticos, Filosóficos, Éticos, Sociais, Económicos, Ambientais, Religiosos. Assuntos Universais.
Uma experiência sócio-teatral em que os espectadores são, simultaneamente, actores do próprio espectáculo a que assistem, em resposta a perguntas essenciais.
As convicções individuais farão aproximar e afastar pessoas no seu fluxo contínuo de diálogo. O fim será adiado até ao limite das possibilidades. 

The show Fluxodrama is back, on June 16th, with presentations at Teatro Municipal da Guarda, at 10am and 7pm. This is the first time Amarelo Silvestre presents its work in Guarda and at the local Municipal Theater.
Fluxodrama is a performative approach to the permanent contemporaneity of universal subjects. Political, Philosophical, Ethical, Social, Economic, Environmental, Religious issues. Universal Subjects.
A social-theatrical experience in which the spectators are, at the same time, actors of the very show they are watching, in response to essential questions.
Individual convictions will bring people together and push them apart in their continuous flow of dialogue. The end will be pushed back as far as possible.