Exposição do Centenário do Partido Comunista Português em Mangualde

Por iniciativa da Comissão Concelhia de Mangualde do PCP no dia 1 de Junho, no átrio da Biblioteca Mu­ni­cipal, foi inaugurada a ex­po­sição alu­siva à his­tória do Partido, que fi­cará pa­tente até ao pró­ximo dia 14 de Junho.

No dia 5 teve lugar no Auditório da Biblioteca, com a participação de dezenas de pessoas, uma sessão de apresentação da Exposição e do livro «100 anos de Luta ao Ser­viço do Povo e da Pá­tria, pela De­mo­cracia e o So­ci­a­lismo» que contou com a participação de Manuel Rodrigues, director do Jornal «Avante!».

Na ocasião foi homenageada a emérita Professora Maria Teresa de Almeida Cruz, nascida em 1940, militante comunista, mulher de reconhecida coragem e dedicação, empenhada na causa da emancipação dos trabalhadores e do povo. Filomena Pires, do executivo da DOR Viseu fez um resumo do apaixonante currículo profissional e político desta «militante de toda a vida».

Teresa Cruz, no final, fez questão de recordar páginas do seu percurso de comunista e «mulher de Abril». Particularmente emocionantes foram as descrições do atentado à bomba contra o seu carro (bem como os de 2 outros militantes comunistas) e as agressões físicas de que foi vítima numa mesa de voto como delegada do PCP. Não menos comovente o agradecimento e o elogio ao seu Partido.

O momento cultural contou com a participação da artista mangualdense Margarida Esteves.

A sessão foi presidida por Roque Cruz, do executivo da DOR Viseu.

Nota de Imprensa do PCP Mangualde