Turismo Centro de Portugal evoca o Bicentenário da morte de Napoleão

A Agenda de Eventos – Invasões Napoleónicas em Portugal, lançada em maio, no quadro da efeméride do Bicentenário da morte de Napoleão Bonaparte, decorre até ao final do ano, em 18 municípios do país.

Numa iniciativa conjunta do Turismo de Portugal e das Entidades Regionais de Turismo do Porto e Norte de Portugal, Centro de Portugal, Região de Lisboa e Alentejo Ribatejo, em articulação com os respetivos municípios, a Agenda que está disponível online, reúne iniciativas que destacam o património histórico-militar, material e imaterial, associado às invasões napoleónicas em Portugal.

A valorização deste património é o mote para a realização de mais de 40 eventos, em versão online e presencial – concertos de música, recriações históricas, cinema, exposições, debates, publicações digitais – os quais contribuem para a dinamização turística dos territórios. O cumprimento das regras de segurança sanitária aplicáveis, nos eventos presenciais previstos, é da responsabilidade dos respetivos municípios.

De entre as entidades participantes, constam os promotores do projeto “Rede Temática das Invasões Francesas em Portugal” apoiado pelo Turismo de Portugal no âmbito da Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior.

Esta Agenda integra o calendário internacional de comemorações “Bicentenário 2021” promovido pelo Itinerário Cultural do Conselho da Europa Destination Napoleon.

Napoleão Bonaparte morreu a 5 de maio de 1821, na ilha de Santa Helena e, neste ano de 2021, por toda a Europa, a data é assinalada através da realização de diversos eventos que promovem o património cultural material e imaterial associado à história das invasões napoleónicas nos vários países europeus.

Consulte a Agenda aqui.

Sobre o Turismo Centro de Portugal:

O Turismo Centro de Portugal é a entidade que estrutura e promove o turismo na Região Centro do país. Esta é a maior e mais diversificada área turística nacional, abrangendo 100 municípios, e tem registado um intenso crescimento da procura interna e externa. É a região a escolher para quem pretende experiências diversificadas, pois concilia locais Património da Humanidade com a melhor costa de surf da Europa, termas e spas idílicos, locais de culto de importância mundial e as mais belas aldeias.