BE Viseu: “A biodiversidade da sub-bacia Hidrográfica do Dão está sob grande ataque” 

O Bloco de Esquerda enviou nova denúncia à APA – Agência Portuguesa do Ambiente, ao SEPNA-GNR – Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente e ao IGAMAOT – A Inspeção-Geral da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território, sobre vários casos de poluição na sub-bacia hidrográfica do rio Dão.

Estamos a falar de descargas provenientes de empresas, de ETAR municipais e de fontes que nos são desconhecidas. Todas estas descargas aconteceram neste mês de abril, no entanto, e infelizmente, não são um caso excecional.

  • Em Dardavaz, local de onde temos registos de denúncias de atentados ambientais desde 2005, voltou a espuma, registadas a 13 e 29 de abril, que não deixa esquecer as constantes descargas ilegais nos coletores de águas pluviais da zona industrial às quais se juntam as da ETAR municipal da ZIM da Adiça, resgistada a 14 de abril.

  • Na Ponte de Tabuaço, em Vilar de Besteiros, o rio Criz, com registos de 15 de abril, corria totalmente cinzento, com um odor correspondente. Segundo os relatos, este não foi o primeiro episódio de poluição no local.

  • Em Santiago de Besteiros, junto à empresa Nutrofertil, além do odor existente,são evidentes os escorrimentos castanhos que poluem os cursos de água. Registo de 25 de abril.

Mas estes são apenas alguns exemplos da impunidade presente neste território.

O Bloco de Esquerda tem acompanhado os movimentos locais que lutam pela preservação do ambiente. Tem sido uma força ativa na apresentação de  denúncias junto das autoridades responsáveis e junto do público em geral.

A poluição na região já chegou à Comissão Europeia (CE) através do eurodeputado do Bloco de Esquerda José Gusmão, tendo a CE dito que a APA tem obrigação de fazer cumprir os valores-limite aplicáveis pelas diretivas europeias, ponderando  intervir se a situação se mantiver. Também o Governo já foi diversas vezes questionado sobre o problema ambiental pelo Bloco de Esquerda.

No seguimento destas denúncias e intervenções acima relatadas, a deputada na Assembleia da República, Maria Manuel Rola, acompanhada da Comissão Coordenadora Distrital de Viseu do Bloco de Esquerda, estará esta segunda-feira, dia 3 de maio, em Santa Comba Dão, junto à Ribeira das Hortas, no Parque de Estacionamento, R. Nossa Sra. da Assunção 18, pelas 15 horas, para uma Conferência de Imprensa onde será apresentada nova iniciativa parlamentar, desta vez através da forma de Projeto de Resolução que prevê a recuperação ambiental e despoluição da sub-bacia hidrográfica do rio Dão.

A sub-bacia hidrográfica do rio Dão, parte integrante da bacia do Mondego, abarca os rios Carapito, Sátão, Pavia e Criz; as ribeiras das Hortas, Cabriz, Travassos, Dardavaz e Lavandeiras; bem como outros cursos de água de menor expressão – alvos de enorme pressão ambiental e descargas poluentes, sobre as quais já apresentámos denúncias.

Tondela, 30 de Abril de 2021

A Comissão Coordenadora Distrital de Viseu do Bloco de Esquerda