Autarquia de Nelas pretende contrair empréstimo de 1,5 milhões para financiar obras estruturantes

Reunião de Câmara, discute e vota, hoje, 14 de abril, pelas 15h, sob proposta do presidente Borges da Silva, a proposta de contratação de um empréstimo de médio e longo prazo, no valor de 1,5 milhões de euros, para financiar a comparticipação Nacional do pacote de 10,4 milhões de euros de investimentos estruturantes candidatos ao Programa Operacional do Centro – Centro 2020, que terão uma comparticipação comunitária de 8,8 milhões de euros.

O empréstimo, que o Executivo PS pretende contrair junto do BEI (Linha BEI PT2020 Autarquias), representa cerca de 15% de um conjunto de investimentos  que o Município se propõe realizar, nas áreas da educação e saúde:

  • Intervenção na Escola Secundária de Nelas e na Escola EB 2/3 de Canas de Senhorim.
  • Requalificação e Modernização dos Centros de Saúde de Nelas e Canas de Senhorim.

O atual Executivo fundamenta esta proposta de financiamento, com “a gestão rigorosa”, que tem levado a cabo, o que lhe tem permitido “responder a grandes desafios da atividade municipal”, pretendendo com estas despesas de capital, prosseguir com a “qualificação e modernização do concelho”.

No total são assim quatro as candidaturas que a Autarquia pretende submeter, sendo “imprescindível para se concretizarem, a contratação do empréstimo junto do BEI”, que está, de acordo com a Lei, “excecionado para efeitos de limite de dívida dos municípios”.