Delegação da Cruz Vermelha em Oliveira do Conde reativada

A extinção e encerramento da Delegação da Cruz Vermelha de Oliveira do Conde aconteceu num contexto processual da Cruz Vermelha Portuguesa. De lá até agora, muito se tem dito e escrito, acusando-se tudo e todos, inclusive a Câmara Municipal, de inoperância e de falta de ação.

Como temos vindo a referir, desde a primeira hora, a Câmara Municipal foi sensível ao problema e foi estabelecendo contactos com a Direção Nacional da Cruz Vermelha Portuguesa. Tratando-se de um assunto demasiado importante, com cautela e acima de tudo com bom senso, sem propagandas, foi possível mostrar a importância da permanência da Cruz Vermelha no Concelho de Carregal do Sal.

Todo o trabalho desenvolvido, com rigor e empenho, pela Câmara Municipal de Carregal do Sal teve os seus frutos. Numa reunião ocorrida na Câmara Municipal, no passado dia 7 de abril, em que estiveram presentes o Presidente Nacional da Cruz Vermelha Portuguesa Dr Francisco George e a Secretária Geral Enga Susana Marques foram dados a conhecer os pressupostos do regresso da Cruz Vermelha ao nosso concelho. Será criada uma nova delegação que passará a designar-se Delegação da Cruz Vermelha do Concelho de Carregal do Sal, que ficará sediada em Oliveira do Conde.

A criação desta nova delegação obedecerá aos procedimentos internos da Cruz Vermelha Portuguesa e tem na Câmara Municipal um parceiro muito próximo no auxílio a todo esse processo.

Pensamos tratar-se de uma excelente notícia para o concelho de Carregal do Sal em geral e para a freguesia de Oliveira do Conde em particular.

O Presidente,

Rogério Mota Abrantes