Os Metecos.Opinião por Rui Marques

Há pessoas que acham que os outros têm apenas o direito a ser representados, nunca a representar!

As maças vivem na macieira e estão numa comunidade chamada pomar. As peras vivem numa pereira e a sua comunidade é, da mesma maneira, um pomar…

Mas agora pergunto eu:

As maças deveriam ter a sua comunidade chamada “macieiral” e as peras uma chamada “peral”?

Serão as tristes peras obrigadas a viver como se fossem maçãs?

Na verdade, uma macieira pode dar peras, tal como uma pereira pode dar maças sendo enxertadas nos ramos de uma mesma árvore!…

Uma pera até pode ser muito parecida a uma maçã, mas, caramba, elas têm identidade própria…

Não poderão as peras viver num pomar, onde são minoritárias em relação às maças, podendo ter orgulho desse mesmo pomar?

Os seus ramos e troncos vêm das mesmas raízes que se alimentam da mesma terra? É só por dizer que umas são maças e outras peras… Mas independentemente da sua localização, todos são frutos do mesmo pomar!…

Pois, são todos filhos do mesmo pomar! Pois, são filhos da mesma terra!

Lá porque uns são maças e outros peras, não devem desprezar a terra que lhes dá alimento… Se as maçãs não devem querer abafar as peras, também estas não se deverão apresentar como mais importantes que as maças, só porque exigem uma identidade…

A identidade de uma pera?

A identidade de uma maça?

Prefiro falar na identidade de todo o Pomar!… E depois ainda temos as laranjas cor de laranja, as abelhas em busca do pólen e os gatos a afiar as unhas nos ramos!

Que belos são os gatos

Quando passeiam pelos matos

Contemplando as borboletas

De várias cores obsoletas

Gatos pretos, gatos brancos

Cinzentos, zarolhos e mancos

Angorá, abissínio ou persa

O olhar não se dispersa

Mas se os metem no mesmo saco

As unhas arranham sem dó

Os outrora amigos gatos

Nem respeitam o paletó

@cingab

Pessoas tiveram a amabilidade de me informar que os bravos, homens e mulheres, que estiveram na base da organização digital do Carnaval deste ano ficaram melindrados com o meu artigo de opinião anterior. Não fiquem…. Obviamente alguém que faça alguma coisa por Canas de Senhorim, pelo seu Carnaval, ainda por cima com extrema qualidade e sem esperar recompensa, jamais pode ter a minha crítica! Por isso, um obrigado a todos!… Mesmo!…
No entanto, compreendo que possam sido usados pelos ditos iluminados e senadores, ou simplesmente por aqueles que acham que controlam os outros como marionetas numa tragicomédia de ficção, tentando reescrever a história para ganhar o futuro!