Alunos de Comunicação Social da ESEV selecionados para projeto de reportagem europeia

O projeto de reportagem de uma equipa de alunos do curso de Comunicação Social da Escola Superior de Educação de Viseu foi selecionado para a primeira edição do ReportEU, organizado pela Representação da Comissão Europeia em Portugal. Ana Catarina Correia e Daniel Silva, alunos do 3.º ano da Licenciatura em Comunicação Social, com a coordenação da docente Joana Martins, estão entre as seis candidaturas selecionadas e irão agora desenvolver a reportagem com o tema “Deficiência na UE: um longo caminho a percorrer”.

As seis equipas selecionadas vão desenvolver, entre janeiro e abril de 2021, reportagens sobre temas de dimensão europeia muito variados, com o objetivo de lhes dar ímpeto na agenda mediática através de protagonistas e ângulos relevantes e originais. Terão acesso a mentoria prática de jornalistas profissionais e, no final, três reportagens serão escolhidas pela equipa de mentores e parceiros para serem difundidas pelos órgãos de comunicação social que se associam à iniciativa: Público, Renascença e TVI.

A iniciativa ReportEU recebeu 23 candidaturas de estudantes de vários pontos do país e tem como objetivo contribuir para a formação prática dos futuros jornalistas no formato reportagem e em cobertura jornalística de temas europeus, fomentando ainda o debate e ação para um aumento da literacia mediática.

As restantes 17 candidaturas serão convidadas a desenvolver as reportagens candidatas com o apoio dos Repórteres em Construção (REC).

Contexto:

ReportEU, uma iniciativa da Representação da Comissão Europeia em Portugal cuja primeira edição foi lançada em novembro de 2020 em colaboração com os Repórteres em Construção (REC), nasce com o intuito de dar a oportunidade a estudantes universitários, em especial de jornalismo e de comunicação social, de criar reportagens sobre temas que abordem uma dimensão europeia e que sejam relevantes e inovadores. Através de uma experiência prática durante o percurso formativo, permite-lhes treinar o que é desenvolver uma reportagem jornalística, com acesso a mentoria de profissionais, e entender melhor como funciona a União Europeia e que recursos disponibiliza para os jornalistas e cidadãos. Procura ainda estimular a interdisciplinaridade, o conhecimento sobre a realidade de outros Estados-Membros e a literacia mediática, especificamente sobre temas europeus.

As três reportagens consideradas melhores pela equipa de mentores e parceiros serão difundidas pelos órgãos de comunicação social que se associam à iniciativa. Os critérios de avaliação incluem: 1) a inovação do tema, ângulos e/ou formatos; 2) a qualidade de execução e de apresentação; 3) a relevância dos conteúdos; 4) o impacto numa maior ligação dos cidadãos à UE; 5) a inclusão de questões, protagonistas e/ou histórias de pelo menos três Estados-Membros diferentes da UE (pode ou não incluir Portugal). Todos os projetos devem ser implementados seguindo boas práticas de sustentabilidade ambiental, usar as oportunidades fornecidas pelas ferramentas digitais e respeitar os direitos e valores fundamentais da União Europeia.

Mais informações na página Web da Comissão Europeia em Portugal e com o marcador #ReportEU.