EN2 em rota ibérica

Portugal e Espanha vão juntar-se para criar uma rota ibérica para atrair turistas, sobretudo americanos. O projeto vai juntar a Estrada Nacional 2, que atravessa o distrito de Viseu, e a Via de la Plata, ao longo de 2.500 quilómetros.

O anúncio foi feito esta segunda-feira (16 de novembro) em Viseu pelo presidente da Associação de Municípios da Rota da Estrada Nacional 2, Luís Machado, que já assinou o protocolo de colaboração.

O responsável diz que este novo projeto só vai ter condições para avançar depois de consolidada a rota da Nacional 2, “que levará dois a quatro anos”. “A rota ibérica acontecerá dentro de sete a oito anos, quando o nosso projeto estiver totalmente consolidado”, reafirma o presidente da associação.

Luís Machado refere ainda que esta rota ibérica, unindo a Península, promete “potenciar ainda mais as potencialidades da Nacional 2”. O novo projeto turístico foi feito a pensar sobretudo nos turistas americanos.

“Esta rota terá o potencial de cativar estes turistas, já que os nossos 739 quilómetros são muito poucos para o público americano. O turista americano precisa de mais quilómetros e, juntando os nossos dois países, criamos a maior oferta de turismo”, refere Luís Machado, que revelou ainda que está também em cima da mesa a criação de uma rota a nível europeu.

Luís Machado esteve presente no salão nobre da Câmara de Viseu durante a assinatura de um protocolo com o banco BPI, que lançou uma linha de 100 milhões de euros para apoiar os concelhos servidos pela Nacional 2.

Viseu vai receber brevemente um parque de autocaravanismo para acolher turistas da estrada, junto ao Parque da Aguieira.

Jornal do Centro

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies