Burla em Viseu : Vítima ficou sem 10 mil euros

Viele Euro Geldscheine

O Comando Territorial de Viseu, através do Núcleo de Investigação Criminal de Viseu, identificou ontem, 23 de setembro, e constituiu arguida, uma mulher, de 35 anos, por burla qualificada, no concelho de Viseu.

A vítima, uma mulher de 24 anos com incapacidade cognitiva, encontrava-se a frequentar um curso para se tornar autónoma e sair da instituição onde se encontrava a residir. Durante a formação, conheceu a suspeita que rapidamente ganhou a confiança dela, acabando por lhe subtrair 10 mil euros.

Suspeitando da relação entre ambas, a instituição denunciou a situação à GNR, que após diligências de investigação, realizou uma busca domiciliária. Foi possível recuperar 1400€ e apreender um automóvel que havia sido adquirido com o produto do ilícito.

A identificada foi constituída arguida e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Viseu.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies