Fornos Elétricos. CDS propõe em Assembleia Municipal ação contra o Estado Português

Assembleia Municipal de Nelas aprova parcialmente moção do CDS-PP sobre os Fornos Elétricos

“RECOMENDAR à CÂMARA MUNICIPAL, com carácter imediato, que recorra a todos os mecanismos judiciais, nacionais e comunitários, contra as empresas envolvidas e contra o Estado Português, para a resolução do problema, não só para imposição de medidas de atuação concreta bem como ações de Responsabilidade Civil.”( 22 Votos a Favor – 4 contra, um destes o do Presidente da JF de Canas de Senhorim)

A Assembleia rejeitou a parte da proposta que responsabilizava Borges da Silva (16 Votos Contra – 8 a Favor)

“Censurar o atual executivo, e o do mandato anterior, na pessoa do Presidente da Câmara Municipal pelo agravamento da situação ambiental dos resíduos depositados nos terrenos da EX-CPFE, fruto de uma postura passiva e displicente nas negociações com as entidades com competência em matéria ambiental e com a CGD (proprietária do terreno)”

O assunto originou uma discussão acalorada sobretudo entre o Presidente os membros do CDS e PSD que acusaram o Presidente de leviandade devido ao episódio da compra dos terrenos em 2017.

CDS denuncia atraso no pagamento às Juntas de Freguesia (em atraso 6 meses de transferências ao abrigo de protocolo existente- nada foi recebido relativamente ao ano de 2019)

Borges da Silva confirmou em Assembleia a denúncia do CDS-PP.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies