Mangualde. “Trilho de Ricardina” em reedição juntou mais de 100 participantes

Perto de uma centena de pessoas participaram, com alegria e boa-disposição, em mais uma edição do “Trilho de Ricardina” da Freguesia de Espinho integrado no projeto “Mangualde em Movimento” dinamizado e promovido pela Câmara Municipal de Mangualde, com o apoio da Associação Cultural e Recreativa Água-Levada, da Fábrica da Igreja Paroquial de Espinho e da Associação Cultural e Recreativa Espinho e Póvoa. O momento, que teve lugar no passado sábado (dia 13 de abril) pelas 21h00, contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, e do Presidente da Junta de Freguesia de Espinho, António Monteiro.

Esta iniciativa contou, ainda, com um momento solene de inauguração da iluminação do depósito de água de Espinho, um marco patrimonial importante da freguesia, uma vez que se situa no ponto mais alto da mesma. O objetivo foi melhorar a qualidade visual e restituir alguma dignidade a um património que é testemunho do passado e da história da freguesia. Foi utilizada tecnologia LED, resultando em alta economia de energia dentro das estratégias de sustentabilidade ou preservação de meio ambiente e diminuição de impacto ambiental, uma vez que a energia resulta do armazenamento da energia solar provenientes dos painéis aplicados para o efeito.

Os participantes percorreram os Trilhos de Ricardina por cerca de duas horas e meia. Pelas 21h15 tiveram início os exercícios de aquecimento no Largo da Santa Maria em Gandufe e, pelas 21h30, arrancou o percurso com acompanhamento do Dr. António Tavares, Arqueólogo da Câmara Municipal de Mangualde. À chegada a Água-Levada, na Associação Cultural e Recreativa, foi oferecida uma sopa a todos os participantes.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies