Projeto de Envelhecimento Ativo para a região centro com financiamento comunitário de 15 milhões

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) promove hoje, pelas 16h, uma conferência de imprensa para apresentação do Projeto do Instituto Multidisciplinar do Envelhecimento (MIA-Portugal), aprovado hoje pela Comissão Europeia com um financiamento de 15 milhões de euros.

A conferência de imprensa conta a presença da Presidente da CCDRC, Ana Abrunhosa, do Reitor da Universidade de Coimbra, Amílcar Falcão, e do Coordenador Científico do projeto, Rodrigo Cunha.

O MIA Portugal é promovido pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), com a liderança científica da Universidade de Coimbra, em parceria com a Universidade de Newcastle (Reino Unido), o Centro Médico Universitário de Groningen (Holanda) e o Instituto Pedro Nunes.

O Instituto Multidisciplinar do Envelhecimento, localizado em Coimbra, pretende ser o primeiro centro de investigação de excelência na área do envelhecimento ativo e saudável na Europa do Sul, envolvendo um investimento total de 50 milhões de euros. Numa região onde o envelhecimento da população é um dos desafios societais mais preocupantes, este centro de excelência irá assumir um lugar de vanguarda internacional na pesquisa da biologia do envelhecimento, aliando este conhecimento a estratégias de intervenção e cuidados de saúde que melhorem a esperança de vida saudável do ser humano. O MIA pretende ainda fomentar novas práticas de empreendedorismo, oferecendo oportunidades de negócios à região, criando postos de trabalho altamente qualificados e estimulando a economia.

 

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies