‘MOV Mangualde’ revoluciona serviço de transportes públicos

‘MOV Mangualde’, o novo serviço de informação sobre o sistema de transportes públicos do Município de Mangualde, foi ontem apresentado no Salão Nobre da Câmara Municipal. Esta apresentação inseriu-se na Semana Europeia da Mobilidade. João Azevedo, Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, sublinhou que “esta nova ferramenta coloca Mangualde nas smart cities. Isto não é uma obra, mas é muito importante para o nosso futuro, porque são um instrumento para as pessoas terem mais informação”.

O ‘Mov Mangualde’ foi desenvolvido no âmbito do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU), financiado pelo Programa Operacional Regional do Centro 2014-2020, no âmbito da prioridade de investimento 4.5 (Mobilidade urbana), e implementado pela empresa Optimização e Planeamento de Transportes, S.A. É uma ação delineada no Plano de Mobilidade Urbana Sustentável para a Cidade de Mangualde, elaborado em 2016. Inscreve-se num objetivo específico da sua Estratégia que visa disponibilizar Informação à Cidade e aos Cidadãos sobre a mobilidade e os transportes.

Este portal – www.movmangualde.pt – disponibiliza, assim, informação sobre transportes rodoviários em carreiras regulares de serviço público, transportes ferroviários, transportes rodoviários em serviços expresso, transportes em táxi e transportes escolares. É possível, no ‘Mov Mangualde’, consultar ainda horários, paragens, destinos, bem como a informação que serve de base ao cálculo de rotas. A plataforma funciona em dois idiomas: português e inglês.

TRÊS PLATAFORMAS MULTITOQUE

Além deste portal, já estão ao dispor da população e visitantes três plataformas multitoque com a informação relativa aos serviços de transportes – criar rota; horários; e informação de táxis – no Largo do Dr. Couto, no Largo da Biblioteca junto às escolas e na Gare dos autocarros.

Estas plataformas e este portal são um importante instrumento para responder às necessidades atuais de mobilidade da população, necessidades essas que ganharão um papel acrescido quando, em 2019, forem restruturados os transportes públicos que servem o Município, no âmbito do novo Regime Jurídico do Serviço Público de Transportes de Passageiros. Reestruturação esta que implicará uma nova concessão de serviços e a definição do serviço público a realizar, tarefa assumida pela CIM Viseu Dão Lafões como Autoridade de Transportes desta região.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies