Carregal do Sal. Bloco de Esquerda preocupado com terreno contaminado com hidrocarbonetos

Nota de Imprensa do Bloco de Esquerda Carregal do Sal :
Depois do Bloco de Esquerda reunir várias vezes com o proprietário do terreno, questionar o Governo (já obtivemos resposta) e questionar a Câmara Municipal de Carregal do Sal (ainda aguardámos esclarecimentos de parte da autarquia).
A única medida que as entidades responsáveis tomaram foi selar o furo artesiano, sendo que o posto de abastecimento de combustível não sofreu nenhuma intervenção de requalificação e de melhoramento, tendo só sido efectuada uma limpeza nos depósitos das gorduras no próprio dia da denuncia, com intuito dos depósitos não ficarem sobre lotados tão rapidamente. Portanto, supomos que o problema continua a persistir e o combustível a transbordar dos depósitos para o solo.
Uma das nossas maiores preocupações é que o combustível contínua a correr para as águas pluviais da zona, esta situação vai-se agravar com a próxima estação de chuvas.
É de salientar o facto que a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) proibiu o proprietário de fazer outro furo no terreno, portanto é a prova de que nada está resolvido.
A situação é preocupante em termos de saúde pública porque existem vários poços em terrenos à volta onde a água é para consumo ou para regadio.
Para o Bloco de Esquerda, as questões ambientais não são questões menores, são questões prioritárias porque estão ligadas à saúde pública, de qualidade de vida e até de desenvolvimento económico
Continuaremos a insistir com a Câmara Municipal de Carregal do Sal, da que ainda não recebemos qualquer tipo de esclarecimentos, tendo-a também questionado numa sessão da Assembleia Municipal e avançaremos também com questões ao Ministério da Saúde.”

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies