Carregal do Sal : 50 mil pinheiros mansos e 10 mil carvalhos oferecidos

A Câmara Municipal de Carregal do sal está a oferecer carvalhos e pinheiros mansos para reflorestar a área ardida no concelho, no maior incêndio de sempre (15 de outubro de 2017).

Rogério Abrantes, presidente da autarquia, avançou que “de janeiro de 2018 até ao passado dia 13 de julho, os serviços de atendimento ao munícipe já tinha recebido pedidos para plantar cerca de 50 mil pinheiros mansos e quase 10 mil carvalhos”.  O autarca lembrou que o território de Carregal do Sal “é, predominantemente, povoado por eucaliptos e 60 por cento da área florestal ardeu”.

De acordo com o edil, esta “é a altura ideal para haver uma alteração no tipo de floresta do concelho. Por isso, a autarquia vai manter a aposta no regresso do pinheiro manso, visto que a região é propícia à sua plantação”. O pinheiro manso, “é tão ou mais apetecível do que o eucalipto e dá maior rentabilidade, mas as pessoas ainda não acreditam nisso”, defende.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies