“A palavra união tem que soar bem alto no coração dos Lapenses”

“Os Lapenses vão estar de portas abertas e braços abertos para receber todos os que nos queiram visitar”, começou por referir Carmo Batalha Torres, Administradora da FLL, na apresentação do evento “Lapa do Lobo – Aldeia Cultural”, que teve lugar no passado dia 5 de julho. Enfatizando que “este evento vem desmistificar a ideia de que em aldeias do interior nada acontece”, realçou ainda que “aqui, nesta aldeia, faz-se cultura todos os dias e crianças e jovens têm  provavelmente acesso mais fácil e de forma gratuita a propostas culturais, se comparando com os grandes centros urbanos”.

O encenador António Leal, também envolvido na organização, deixou a ideia que a Lapa do Lobo Aldeia Cultural é para “unir”. “A palavra união tem que soar bem alto em todos os corações dos Lapenses”, concluiu.

This slideshow requires JavaScript.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies