Piloto de Vilar Seco termina Rali Vinho do Dão no 13º lugar

O Peugeot 106 foi adaptado, para acelerar no Rali Vinho do Dão, por José Pires, natural de Vilar Seco e pelo seu navegador, Jorge Garcia, com a ajuda de mais dois amigos, serralheiros especializados. Jorge Garcia é eletrotécnico o que “ajudou bastante”, revelou ao nosso jornal o piloto. “O carro ficou pronto mesmo em cima da hora para o arranque do Rali e no dia da especialainda tivemos de mudar a caixa de velocidades pois a que tínhamos montada deu problemas”, disse-nos José Pires, que relata ainda as dificuldades durante a prova :”Como não temos apoios, nem tivemos tempo para a preparar convenientemente,andámos sempre com algum cuidado, dado que o objectivo era apenas aprender e terminar, o que foi conseguido apesar de termos feito as duas últimas provas especiais de classificação sem embraiagem”. A dupla terminou assim o Rali Vinho do Dão, com um honroso 13º lugar.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies