GDR Canas de Senhorim terá jogadores estrangeiros em situação ilegal e foi alvo de buscas

Estalou a polémica no futebol distrital depois do SEF – Serviço de Estrangeiros e Fronteiras ter identificado cinco jogadores estrangeiros em situação ilegal, alegadamente no GDR Canas de Senhorim, avança hoje (17 de Abril) o Jornal do Centro (JC) na sua edição digital. 

“O Jornal do Centro sabe que o Canas de Senhorim é o clube em questão, tendo o emblema do concelho de Nelas, que se sagrou campeão da Zona Sul da 1ª divisão passado fim de semana, sido alvo de buscas domiciliárias, a viaturas e ainda à sede do grupo desportivo.Numa nota enviada às redações, o SEF adianta que foi fiscalizado ainda um apartamento por suspeita da prática dos crimes de auxílio à imigração ilegal, falsificação de documentos e falsas declarações, onde foram idenficados 13 cidadãos, 12 dos quais estrangeiros, sendo que cinco destes não possuíam a respetiva situação documental regularizada em território. Na altura, adianta o SEF, o responsável máximo pelo clube foi constituído arguido”, refere o JC, que contactou Paulo Guilherme, presidente do Canas de Senhorim, que se escusou a comentar a informação.

Fonte da Associação de Futebol de Viseu adiantou ainda que o clube fica impedido de utilizar os jogadores em questão enquanto os mesmos continuarem em situação ilegal. Caso o faça pode perder esses encontros.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies