Notícias da Lapa do Lobo por Marco Costa

Procissão de velas
No passado dia 12 de Julho, englobado na festa de N. Sra Fatima, realizou-se uma procissão de velas na Lapa do Lobo.
A procissão iniciou-se na Capela de Sta. Catarina e percorreu alguma das ruas da freguesia.
Como tem sido habitual, houve muita gente a acompanhar o andor de N. Sra. Fatima nesta peregrinação pela Lapa do Lobo.

Festa em honra N. Sra. Fátima
No domingo, dia 16 de Julho, realizou-se na Lapa do Lobo, a festa em honra de Nossa Senhora de Fátima.
A festa iniciou-se, como é tradicional, com a celebração da missa, na, lindamente decorada, Capela de Sta. Catarina. Celebração que, uma vez mais, teve a participação dos escuteiros do Agrupamento 604 de Canas de Senhorim.
Após a missa, e com os quatro andores muito bem enfeitados, começou a procissão pelas ruas da Lapa do Lobo.
Numa tarde de muito calor, em alguns locais, pode-se assistir a uma chuva de pétalas aquando da passagem da procissão.
Depois do regresso da procissão á Capela de Sta. Catarina e do término da celebração religiosa pelo Padre Jorge, realizou-se o tradicional leilão de ofertas.
Como é habitual nesta ocasião, houve bastante participação e despique.
As mordomas que cessam funções estão de parabéns pela bela festa, mas também pelo seu trabalho ao longo do ano.
Passeio de Pasteleiras
No dia 2 de Julho realizou-se o passeio anual de Pasteleiras, organizado pela Associação Desportiva e Cultural Lapense.
Com partida e chegada na sede da ADCLapense, o passeio além de percorrer a Lapa do Lobo passou por outros locais, tendo havido uma paragem na Urgeiriça para uns petiscos e se recuperar as forças para o resto do passeio.
Após o passeio, teve lugar um almoço-convivio com todos os participantes.
Paragem do Comboio na Lapa do Lobo adiada
Desde algum tempo que a Comissão de Utentes da Lapa do Lobo colocou editais, informando os lapenses do resulatdo da reunião tida com o Presidente da Câmara Municipal de Nelas.
Na dita reunião, apesar de já existir estimativas orçamentais para as obras de beneficiação e iluminação no apeadeiro,  o sr. Presidente da Câmara informou a Comissão de Utentes que não iria mandar fazer as obras.
A justificação da Câmara para tal decisão, prende-se com uma previsão de que para o 2º semestre de 2018 se irá realizar a modernização da linha da Beira Alta e assim efetuar as obras agora seriam desperdício de dinheiro.
Para a Comissão de Utentes, esta decisão não se justifica e apenas prejudica a população da Lapa do Lobo. Para a Comissão a Câmara poderia coordenar com a CP e as Infraestruturas de Portugal a integração das obras, a efetuar imediatamente, na futura modernização da linha da Beira Alta.
Devido a esta situação, a possibilidade acordada com a CP para que se fizessem paragens de teste na Lapa do Lobo ficou sem efeito, sendo que os lapenses continuarão, por tempo indeterminado, a não poder usufruir de um direito que já tiveram.