PSD Carregal do Sal considera deslocação do Secretário de Estado do Ambiente uma “manobra eleitoralista”

A Visita do Senhor Secretário de Estado do ambiente ao concelho de Carregal do Sal não passa de manobra eleitoralista do governo e do Presidente de Câmara que usam meios públicos para fins partidários.

Não são necessários mais diagnósticos sobre a situação das Etars.

Todos conhecem o problema e os riscos associados a essas mesmas Etars.

Quatro anos de gestão socialista e tudo ficou na mesma.

Só agora a dois meses das eleições é que promovem estas sessões públicas? Que andou a fazer o Presidente durante estes 4 anos?

Do Governo não precisamos de visitas ou de palavras de conforto, exigimos é resposta para o problema.

À luz dos regulamentos atuais, os concelhos não se podem candidatar individualmente, só se estiverem integrados num sistema multimunicipal de gestão de águas residuais.

Não sendo este o caso de Carregal do Sal, como pretende resolver o problema?

Quando será acautelada esta situação?

A Comissão Politica do PSD de Carregal do Sal