“Ano Oficial para Visitar Viseu”.Alunos do Politécnico apresentam novos roteiros

Alunos do curso de Turismo da Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico de Viseu (ESTGV|IPV) desafiaram turistas e residentes a (re)visitar a cidade, no Ano Oficial para Visitar Viseu.

Os alunos de Turismo da ESTGV criaram novas formas de descobrir a cidade de Viseu, com novos e diversificados itinerários turísticos para mostrar a cidade como um destino turístico de excelência. Destinados a públicos diferenciados, os dez roteiros turísticos foram pensados para residentes e turistas e foram testados em final de maio, início de junho com público real.

Numa vertente cultural, e para os amantes do património da nossa cidade, os alunos fizeram três roteiros: Viseu tem História de Judeus, que mostrou as tradições judaicas e o contributo deste povo para a cidade, Viseu em Azulejos, que proporcionou uma visita aos lindíssimos painéis de azulejo que revestem a nossa cidade explicando as histórias que contam, e Casas Brasonadas, que deu a conhecer as belíssimas casas brasonadas do centro histórico e as fantásticas histórias dos seus habitantes.

Com objetivos pedagógicos e para o público mais jovem, o Peddy Paper por Viseu permitiu (re)descobrir a cidade de uma forma divertida, os jovens aprenderam mais sobre a história da cidade, os seus monumentos e locais turísticos.

Especialmente pensados para as crianças foram três os roteiros que fizeram parte das comemorações do Dia da Criança, no dia 1 de junho. Da parte da manhã, 50 alunos do 1º e 2º ano da Escola da Ribeira fizeram o Roteiro da Água, aprenderam histórias e tradições associadas à água, tal como as fontes dos namorados, a história de um Amor de Perdição e as tradições associadas ao Rio Pavia.

Também da parte da manhã cerca de 40 crianças das Obras Sociais da CMV desenvolveram o seu lado mais artístico com um itinerário de Street Art onde criaram as suas próprias obras de Arte. Da parte da tarde 60 alunos da Escola de S. Salvador entraram na aventura da ecologia na Quinta da Cruz com a Caça à Natureza onde foram sensibilizadas para a proteção dos espaços verdes e reciclagem através de jogos e caças ao tesouro.

O público sénior não foi esquecido. Os alunos de Turismo propuseram dois itinerários: o percurso Ruas com História permitiu percorrer a história das ruas mais antigas da cidade para relembrar os espaços e as histórias de edifícios emblemáticos das ruas de Viseu; o Viseu D´Avós garantiu animação a cerca de 30 avós e netos que partilharam as brincadeiras e modos de vida, avós e netos tiveram por momentos a mesma idade, na partilha de brincadeiras e histórias nas margens do Rio Pavia.

O lado mais misterioso da cidade foi explorado numa Ghost Tour. Neste roteiro noturno os participantes descobriram as lendas e mitos de diversos edifícios do centro histórico, associados a figuras etéreas e sobrenaturais.

Este projeto surgiu no âmbito das unidades curriculares de Geografia e Itinerários Turísticos, História de Arte e Cultura e Comunicação e Promoção Turística lecionadas aos alunos da licenciatura em Turismo da ESTGV e contou com a colaboração da Câmara Municipal de Viseu.

Viseu, 28 de junho de 2017

Cláudia Seabra | Docente da ESTGV • IPV

HYPERLINK “mailto:[email protected][email protected]