Carregal do Sal. Seminário “Iniciativas Empresariais para a Valorização da Pinha e do Pinhão” abordou a valorização dos recursos endógenos

A Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões e a Câmara Municipal de Carregal do Sal realizaram, no dia 19 de junho, um seminário subordinado ao tema “Iniciativas Empresariais para a Valorização da Pinha e do Pinhão”. Estimular e apoiar novas formas de valorização dos recursos endógenos conjugando a capacidade empresarial da região, conhecimento científico recente e novas procuras e desafios da sociedade contemporânea estiveram na origem desta iniciativa que juntou cerca de meia centena de participantes no edifício dos Paços do Concelho de Carregal do Sal, durante todo o dia.

This slideshow requires JavaScript.

Após a sessão de abertura em que usaram a palavra o edil carregalense, Rogério Mota Abrantes, o Presidente da CIMVDL, José Morgado Ribeiro e Ana Abrunhosa, da CCDR Centro, teve lugar a Sessão Plenária em que foi apresentado o Projeto Piloto de Valorização Económica da Pinha e do Pinhão e explanadas as seguintes intervenções: “Potenciar a produção e comercialização da Pinha e do Pinhão”; “Produtos alimentares e bebidas com base no Pinhão” e “Produtos de cosmética e nutracêuticos com base no Pinhão”. Depois, os participantes foram distribuídos por três grupos de trabalho constituindo-se sessões paralelas de reflexão e análise sobre as potencialidades da fileira do pinheiro manso, em diversos domínios. Pelo meio, realizou-se o coffee break em que foram dadas a degustar iguarias regionais e apresentadas uma cerveja de pinhão e uma outra bebida, sem lactose e sem glúten, também à base de pinhão.
Após o Almoço Temático de Pinhão, que se seguiu, os participantes deram continuidade aos trabalhos apresentando depois os resultados/conclusões das sessões paralelas na sessão plenária de reflexão. Seguiu-se a sessão de encerramento que contou com a participação de Helena Freitas, coordenadora da Unidade de Missão para a Valorização do Interior que enalteceu a iniciativa referindo-se a ela como um passo na valorização de um recurso endógeno, pelo que parabenizou a Câmara Municipal de Carregal do Sal, a CIMVDL e as entidades, empresas e particulares envolvidos sublinhando a visão estratégica que, referiu, vai ao encontro da estratégia nacional de valorização destes recursos.