Carregal Positivo : CIRCO SIM, MAS SEM ANIMAIS!

Imagem de Arquivo
Em diversos países já existe legislação que proíbe ou restringe a utilização de animais nos espetáculos de circo. Em Portugal, começa a caminhar-se nesse sentido. Já várias Assembleias Municipais e Juntas de Freguesia aprovaram pareceres para que as autarquias não emitam licenças para estes espetáculos.

O Carregal Positivo considera importante não permitir que as pessoas vejam uma máscara que esconde o que acontece entre bastidores. Prova desta mudança de paradigma é que o circo Allegria, que vai ter espetáculos em Carregal do Sal nos próximos dias, não está a fazer uma grande publicidade à presença de animais no seu evento, quando sabemos que os vai ter.

O facto dos números com animais constituírem já uma tradição não pode servir como argumento. Também era tradição utilizar pessoas com deficiência ou deformadas e isso foi abolido. As tradições só devem perdurar quando respeitem certos princípios. E a cultura deve ser incentivada quando os cumpre.

O Carregal Positivo reforça a ideia de não querer que os espetáculos de circo fiquem prejudicados, mas consideramos que é necessário redefinir o conceito. Não há necessidade de utilizar quem não escolheu estar ali.

Apelamos ao executivo de Carregal do Sal e aos seus munícipes para acompanharem esta mudança de paradigma.

Nota de Imprensa do Movimento “Carregal Positivo”

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies