DS SMITH deslocaliza fase de montagem de Oliveirinha (Carregal do Sal) para Nelas e transfere 70 a 80 trabalhadores

A DS Smith  (Multinacional Inglesa de display´s e embalagens,cotada na Bolsa de Valores de Londres), com o intuito de otimizar as suas  instalações em Carregal do Sal, contactou a autarquia de Nelas “no sentido de avaliar a possibilidade de deslocalizar parte do processo produtivo”, como referiu à Rádio Jornal do Centro, o responsável pela operação na Península Ibérica. “Depois de alguns contactos, optámos por arrendar um espaço que consideramos adequado para instalar uma parte da fase de montagem de displays, expositores e algumas embalagens”, explicou Vasco Garcia Lopes.Arrendando as antigas instalações da Covercar, na ZI 1 de Nelas, o responsável clarificou que “não criámos para já quaisquer novos postos de trabalho – apenas transferimos para Nelas cerca de metade dos 140 que temos no Parque Industrial de Oliveirinha, ou seja, entre 70 e 80 trabalhadores, embora no nosso horizonte esteja o aumento da capacidade produtiva e assim um crescimento no número de postos de trabalho”. Resta acrescentar que a empresa assinou ontem com a autarquia de Nelas um protocolo que alegadamente prevê a concessão de diversos incentivos.

A DS Smith é líder europeia no mercado de embalagens de cartão canelado e líder mundial no mercado de embalagens de plástico especializadas e tem um volume de negócios na ordem dos 25 milhões de euros.

1 comentário a "DS SMITH deslocaliza fase de montagem de Oliveirinha (Carregal do Sal) para Nelas e transfere 70 a 80 trabalhadores"

  1. Fernando | 5 Maio, 2017 às 13:22 |

    O actual executivo parece estar a trazer indústria para o concelho, já o anterior, deixou fugir e não contente quer voltar… Excelente! De um feniano apartidário.

Os comentários estão fechados.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies