Vítor de Sousa na Lapa do Lobo : um exímio contador de estórias

A Sede da ContraCanto, na Lapa do Lobo, recebeu ontem mais uma conferência do Ciclo “Nelas por Vocação”, promovido pela Autarquia,com o quinto convidado : o multifacetado Vítor de Sousa. Homem das artes, da cultura e da televisão, proporcionou, a uma sala repleta de público, um serão intimista e com fino humor, onde ainda houve oportunidade para saber que trabalhou como delegado de propaganda médica, entre outros ofícios. A conversa, moderada por Pedro Vieira (Canal Q), permitiu revelar a sua grande paixão pelo teatro e pela poesia, e que o momento que mais o marcou foi fazer parte de obras teatrais do médico, escritor e dramaturgo Russo, Anton Tchekov. Vítor de Sousa recordou ainda os difíceis tempos do Estado Novo, que tornavam particularmente desafiador conseguir levar a cabo peças de teatro. Ainda houve tempo para conversar, na própria conferência, com o seu amigo Fernando Carrilha, e enaltecer a vida no Pisão e a sua unidade turística e de alojamento “Moinhos do Pisão”, que considerou “exemplar” a todos os níveis, depois de diversas estadias no local. O início deste evento ainda contou com um momento musical, executado pelo jovem projeto “Coletivo Orelhas Moucas”.

José Miguel Silva

Este slideshow necessita de JavaScript.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies