Câmara de Viseu apoia em 500 mil euros dezasseis projetos culturais. “Jardins Efémeros” destaca-se

A Câmara Municipal de Viseu acaba de aprovar,em sessão pública ,um apoio de 500 mil euros para 16 projectos culturais independentes para o ano de 2017, no âmbito do programa de apoio à cultura e criatividade “VISEU TERCEIRO”.

Da panóplia de projetos aprovados, seis ações “consolidadas” na agenda cultural e anual de Viseu, e recebem apoio financeiro na ordem dos 331 mil euros. Os restantes 10 constam como iniciativas “emergentes”, tendo-lhe sido atribuído um valor de financiamento directo de 168 mil euros.

A listagem de projetos aposta num cartaz de iniciativas culturais muito diversificadas para Viseu, nas mais diversas áreas artísticas, da dança à fotografia, ao teatro, música, cinema e património, entre outras.

Os “Jardins Efémeros”, da organização da Pausa Possível – Associação Cultural e de Desenvolvimento, conquista a maior parcela na lista dos “projetos consolidados”, na ordem dos 135 mil euros.

O Festival Internacional de Música da Primavera, promovido pela Proviseu/Conservatório Regional de Música Dr. Azeredo Perdigão, beneficiará de um apoio global de 105 mil euros. Destacam-se ainda nos projectos consolidados o Festival Outono Quente, o VistaCurta, o Festival de Jazz de Viseu e o 48 ShortMedia.

No conjunto dos projetos emergentes, a “Feira e Mercado Lusitano”, da Escola Secundária de Viriato, e o Fujifilm – Festival Internacional de Fotografia de Viseu, promovido pela Chappa – Produções Fotográficas,surgem no tepo dos projetos com maior apoio, na ordem dos 30 mil euros.