Projeto de Santar Vila Jardim contemplado com 555 mil euros no Centro 2020

Acabam de ser divulgadas as primeiras candidaturas aprovadas no âmbito do programa Centro 2020, que contando com fundos comunitários, apoia uma extensa lista de projetos de investimento (públicos e privados). Na unidade territorial de Viseu/Dão Lafões, um dos projetos aprovados foi o “Santar Garden Village”, com um financiamento total de pouco mais de 555 mil euros, dos quais cerca de 416 mil vêm diretamente do FEDER.

Lembramos que, como avançámos em Fevereiro de 2016,o projeto pretende transformar Santar numa Vila Jardim. O “Santar Garden Village” tem como mentor José Luís de Vasconcellos e pretende requalificar nove jardins, integrando-os num só, para posterior abertura ao público: Casa de Santar, Linhares, Magnólia, Paço dos Cunhas, Dom Miguel de Bragança e Ibérico Nogueira entre outros. O arquiteto Fernando Caruncho concebeu todo o projeto que irá incluir também um multiusos e um centro interpretativo e loja de artigos de merchandising alusivos a Santar. Neste espaço irá funcionar a receção.

A presidente da CCDRC, Ana Abrunhosa, marcou presença no evento de apresentação, realizado na Casa de Santar, no referido mês de Fevereiro, tendo nessa ocasião assegurado que o projeto é “prioritário” no âmbito dos fundos comunitários. O edil de Nelas, Borges da Silva, marcou também presença na apresentação do projeto e fez questão de enfatizar que Santar é uma das prioridades para o seu executivo, afirmando que  “o que falta fazer em termos de investimento é uma ínfima parte daquilo que já está feito”.