Projeto piloto de valorização da pinha e do pinhão em Carregal do Sal vai arrancar

A CIMVDL aprovou, na reunião ordinária do Conselho Intermunicipal de 8/11, uma proposta de desenvolvimento, em parceria com o Município de Carregal do Sal, de um projeto piloto no âmbito da valorização da pinha e do pinhão.
A proposta vem reforçar a aposta do Município carregalense na centralidade da cultura do pinheiro manso permitindo relacionar esta aposta com a promoção de outras atividades e iniciativas de complementaridade e valorização mútua.
Confirmada a enorme diversidade de produtos de valor acrescentado com base no pinhão ou que o integram (gastronomia, cosmética, fármacos naturais), as duas entidades firmaram a necessidade de investigar em que medida o Município poderá reunir as condições para viabilizar a criação ou atração de atividades económicas de transformação local de alguns desses produtos e/ou inserção em cadeias de valor global e foram unânimes em considerar que tal levará ao aumento da procura, constituindo um estímulo à produção do pinhão e simultaneamente à criação de dinâmicas económicas que podem beneficiar a economia local e fomentar o crescimento da região.
A proposta de desenvolvimento deste projeto surgiu após diversas reuniões de trabalho realizadas entre o Presidente da Câmara Municipal, Rogério Abrantes, e a CIMVDL e, por último, na sequência de uma sessão de trabalho promovida pela Comissão Europeia, no âmbito do desenvolvimento da RIS3 (Estratégia de Investigação e Inovação para uma especialização inteligente) onde representantes da CIMVDL fizeram eco das potencialidades da pinha e do pinhão.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies