“II Seminário Internacional Alzheimer e outras Demências: Conhecer, Compreender e Intervir” no IPV

A Aula Magna do Instituto Politécnico de Viseu acolhe nos próximos dias 11 e 12 de novembro o “II Seminário Internacional Alzheimer e outras Demências: Conhecer, Compreender e Intervir”. O evento é organizado pela Escola Superior de Educação de Viseu, em parceria com as Obras Sociais do Pessoal da CMV e Serviços Municipalizados de Viseu, e conta com o apoio da autarquia local.

A demência constitui a expressão clínica de várias entidades patológicas, sendo a doença de Alzheimer a mais prevalente. As suas repercussões drásticas ao nível da qualidade de vida, a par do aumento exponencial da sua incidência, faz com que seja uma das grandes problemática da atualidade. O evento pretende proporcionar um espaço de partilha de evidências científicas e experiências práticas neste âmbito, com vista à reflexão em torno de uma resposta mais integrada e atempada. O seminário versa aspetos relacionados com o conhecimento e compreensão desta realidade, mas também a partilha de intervenções inovadoras junto de pessoas com problemas de memória e demência, bem como com cuidadores.

O programa inclui a participação de conferencistas nacionais e internacionais, provenientes de França, Reino Unido, Espanha e Alemanha, com mérito reconhecido nesta área. O dia 11 tem agendado a sessão de abertura – com a presença do Diretor Geral de Saúde, dr. Francisco George –, a realização de quatro painéis temáticos: “Conhecer e compreender I”, “Conhecer e compreender II”, “Intervenção centrada nos cuidadores” e “Intervenção centrada nas pessoas com demência” e do evento satélite “Projeto MentHA – Mental Health and Aging: bridging knowledge through generations”, que conta com a participação do Coordenador Nacional da Saúde Mental, dr. Álvaro Carvalho. Neste primeiro dia do seminário decorrerá também a sessão de apresentação dos postéres submetidos.

No segundo dia do evento (12 novembro), o programa contempla mais três painéis: “Experiências internacionais”, “Intervenção com tecnologias em pessoas com problemas de memória/demência” e “Intervenção em pessoas com problemas de memória/demência e familiares”. Relevo ainda para a realização de um segundo evento satélite de apresentação do projeto MAE – Movimento Arte Experiência. A sessão de encerramento e o anúncio dos vencedores do concurso de pósteres complementam o roteiro do seminário.

O certame vai contar com cerca de 250 participantes: investigadores, docentes, profissionais das mais diversificadas áreas e estudantes do ensino superior.

Para a professora Maria João Amante, responsável pela organização do seminário e docente da Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Viseu, “trata-se de um evento de grande importância para o IPV e para a região, quer pela pertinência e atualidade da temática, quer pela qualidade científica dos oradores nacionais e internacionais convidados, quer ainda pela oportunidade formativa para profissionais e estudantes. Permite ainda a difusão da investigação mais recente nesta área, e mais genericamente na área do envelhecimento, pela submissão de pósteres que serão avaliados por um júri. Os autores podem ainda submeter propostas de artigos para um número especial da revista Millenium – Journal of Education, Technologies and Health”.

Informação complementar e últimas inscrições em: www.esev.ipv.pt/SIAD

Contactos: Escola Superior de Educação (232 419000 | alzheimer@esev.ipv.pt)

* Artigo redigido ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Viseu, 7 de novembro de 2016

Joaquim Amaral | Comunicação e Relações Públicas IPV

jamaral@pres.ipv.pt

Escola Superior de Educação de Viseu

esev@esev.ipv.pt

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies