Oliveira do Hospital assinala amanhã o Dia Municipal para a Igualdade

No âmbito do Dia Municipal para a Igualdade, o Município de Oliveira do Hospital através do projeto “Igualdade Local: Cidadania Responsável” associa-se às comemorações que vão ser dinamizadas a nível nacional sob o lema “Igualdade é Desenvolvimento”.

Nesse sentido, na próxima segunda-feira, 24 de outubro, ao longo do dia será promovido o contacto com os cidadãos através de mensagens de rua no espaço público da cidade. Uma ação que visa despertar consciências e confrontar os cidadãos com a temática da Igualdade de Género, fundamental para o desenvolvimento de uma sociedade mais justa, igualitária e mais democrática.

Já durante a tarde, a partir das 15H30 na Casa da Cultura César Oliveira, os oliveirenses são desafiados a participar num momento de reflexão e discussão relacionado com as linhas de ação do Plano Municipal para a Igualdade 2016-2018, desenvolvido através do projeto “Igualdade Local: Cidadania Responsável”. Refira-se que todos os interessados poderão dirigir os seus contributos para a elaboração e desenvolvimento deste documento.

A anteceder este momento haverá uma visita guiada pela autora Witte Wolff-Moore à sua exposição pictórica “Em Azul”, em exibição ao público no 1.º piso da Casa da Cultura César Oliveira.

Desde 2012 que o Município de Oliveira do Hospital, através do projeto “Igualdade Local: Cidadania Responsável” (iniciado em 2011), instituiu o dia 21 de junho como Dia Municipal para a Igualdade. Uma efeméride pautada pelo lema igualitário “o sol quando nasce é para [email protected]” e que  tem vindo a ser assinalada, anualmente, com diversas iniciativas simbólicas.

É entendimento dos promotores que a igualdade entre mulheres e homens deve estar no centro da agenda pública do concelho de Oliveira do Hospital e da região. Nesse sentido, tem chamado a si um conjunto de entidades parceiras e a população em geral, envolvendo-as ativamente na prossecução de políticas de desenvolvimento local para a promoção da igualdade de género como forma de combate à discriminação, a diversas formas de violência, com enfoque na prevenção da violência doméstica e apoio a vítimas. Informar, sensibilizar e formar os mais jovens para os problemas da violência ligada ao género vai ser a grande aposta deste projeto do Município de Oliveira do Hospital.