Nelense desaparecido no Rio Mondego encontrado morto

A GNR e os bombeiros de Seia realizaram buscas no rio Mondego para encontrar José João Moreira, que esteve desaparecido desde as 23:51 de ontem, disse à agência Lusa fonte da Proteção Civil. O Nelense acabou por ser encontrado sem vida hoje pela manhã.

De acordo com fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) da Guarda, o homem, que “andaria a pescar”, desapareceu no rio Mondego, na zona de Carvalhal da Louça, no concelho de Seia.

Foram familiares que deram o alerta do desaparecimento de José João Borges Moreira, residente em Nelas e Membro da Assembleia de Freguesia, que “costumava pescar junto à ponte sobre o rio Mondego, que divide os distritos da Guarda e de Viseu”.As buscas foram iniciadas logo após o alerta, suspensas pelas 3h da madrugada,e somente retomadas às 8h de hoje. Segundo o CDOS da Guarda estiveram envolvidos um total de 16 elementos dos bombeiros voluntários de Seia, Nelas e Canas de Senhorim,mergulhadores dos bombeiros de Viseu e Oliveira de Frades e militares da GNR, apoiados por cinco viaturas.

Entretanto o nosso jornal apurou que pelas 11h15 da manhã de hoje o corpo foi encontrado sem vida. José João Moreira tinha 64 anos e estava aposentado.

This slideshow requires JavaScript.

Fotos : Rui Barros