Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais apresentado em Nelas

Decorreu ontem no Cineteatro Municipal de Nelas, a Sessão Pública de Apresentação do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais (DECIF) para o ano de 2016, com especial incidência no distrito de Viseu, que foi presidida pelo Sr. Secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, acompanhado pelo Presidente da Câmara Municipal de Nelas, José Borges da Silva, pelo Tenente Coronel Lúcio Campos, responsável pelo Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS), e ainda pelo Comandante Operacional Nacional José Manuel Moura e pelo Presidente da Autoridade Nacional de Proteção Civil Major General Grave Pereira.

Depois de apresentar as principais características do Concelho de Nelas ao Secretário de Estado( lamentando as feridas abertas pelo adiamento na conclusão do IC 12 como complementar á Autoestrada Viseu Coimbra e ainda as decorrentes da infeliz decisão do Governo e da Endesa de não construírem a Barragem de Girabolhos e da Bogueira, congratulando-se todavia pela decisão de requalificação da Linha da Beira Alta), o Presidente da Câmara Municipal de Nelas iniciou a sessão realçando a excelente cooperação com os agentes de proteção civil, elogiando as duas Corporações de Bombeiros- Nelas e Canas de Senhorim- por estarem na linha da frente da intervenção distrital e merecerem todo o apoio, e neles todos os bombeiros e agentes de proteção civil presentes. Neste sentido, a proteção civil tem sido uma das principais preocupações do actual mandato, quer em termos municipais quer em termos Intermunicipais,sendo exemplo disso neste âmbito , o desenvolvimento do Sistema de Informação Geográfica (SIG ), a distribuição de elementos de proteção individual e de comunicação Siresp, e em termos municipais, o apoio financeiro celebrado com a assinatura de Protocolos com os dois Corpos de Bombeiros do Concelho, sendo no montante de 130mil euros para as duas corporações neste ano de 2016 . José Borges da Silva apelou ainda à necessidade de apoios para criação de uma boa rede de caminhos agrícolas e florestais alcatroados estruturantes, como factor essencial para prevenção de incêndios, bem como a pretensão apoiada pela Câmara de serem criadas duas Equipas de Intervenção Permanente ( EIP’s), o que justificou quer na qualidade dos corpos de bombeiros, quer no grande desenvolvimento económico, especialmente industrial ( Nelas apesar de 0,14% da população e territorial , é o concelho 108 em volume de negócios , 166 em número de empresas, 137 em empregados e 60 em volume de exportações).
Enalteceu, finalmente, a excelente cooperação existentes entre todas as entidades quer na prevenção e sensibilizarão contra os incêndios e na limpeza da envolvente urbana e industrial e também melhoria dos caminhos agrícolas e florestais .
O Tenente Coronel Lúcio Campos, que enalteceu a recente contínua colaboração e empenhamento da Câmara de Nelas neste esforço de proteção civil, e realçou a essencialidade dos corpos de bombeiros nesta matéria , procedeu à apresentação oficial da Diretiva que organiza este Dispositivo (DECIF 2016) planeado para a época de incêndios florestais no Distrito de Viseu, com uma explicação sobre as principais alterações, em termos de meios e organização, previstas para a campanha deste ano. Salientou que este Instrumento de planeamento, organização, coordenação e comando operacional tem como princípios de atuação a prevenção de comportamentos de risco, a vigilância e a deteção de incêncios, de forma a combatê-los com rapidez e segurança, disponibilizando os meios para o todo nacional.

O Secretário da Administração Interna, Jorge Gomes, encerrou a Sessão referindo que Portugal conta com cerca de 2 mil equipas no terreno e mais de 10 mil homens operacionais 24 horas por dia, sendo da responsabilidade do Estado estar junto destes profissionais nesta partilha de responsabilidade que é proteger bens e pessoas . Jorge Gomes afirmou também que, apesar do Distrito de Viseu ser complexo e com muitas ocorrências de incêndios florestais, tem sempre margem para auxiliar com rapidez e eficiência outros Distritos.

Entre as entidades presentes estiveram os responsáveis pelas principais instituições e Agentes de Proteção Civil do distrito de Viseu, nomeadamente o Sr Presidente da Assembleia Municipal , Presidente da Federação Distrital de Bombeiros, Presidentes de Junta, o Presidente da CIM Viseu Dão Lafões, Presidente da Câmara de S.Comba Dao e vereadores de diversos municípios do distrito , e Gabinetes Técnicos Florestais, todas as Associações e Corpos de Bombeiros, Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF), Guarda Nacional Republicana regional e local(GNR de Nelas e Canas de Senhorim) (SEPNA e GIPS), Policia de Segurança Pública (PSP), Exército( RIViseu), Policia Judiciária, Cruz Vermelha Portuguesa, Serviços Municipais de Proteção , AFOCELCA e outros Agentes de Proteção Civil e demais entidades que concorrem para a Defesa da Floresta Contra Incêndios, dando a conhecer os meios operacionais (humanos e materiais) bem como o conceito de operação que, no período mais vulnerável à ocorrência de incêndios florestais, materializam o dispositivo integrado de resposta a este desígnio nacional.

Fonte : Câmara Municipal de Nelas

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies