Protocolo da rede do Alto Mondego assinado em Nelas com parceiros locais

Decorreu hoje a assinatura do Protocolo entre o Município de Nelas e Agentes Económicos Locais dos setores do vinho, azeite e hotelaria, com o objetivo de estabelecer parcerias que promovam o Território, aumentando a capacidade de criar valores e projetos inovadores focados na fileira do vinho. Este Protocolo surge no âmbito da constituição da Rede de Territórios do Alto Mondego, assinado entre os municípios de Nelas, Gouveia, Fornos de Algodres e Mangualde no passado dia 8 de março.
A constituição da Rede de Territórios do Alto Mondego visa promover uma nova estratégia de desenvolvimento económico e social, alavancando o crescimento económico e a criação de emprego, no contexto dos territórios de baixa densidade, tendo por base dinâmicas de criatividade, inovação, empreendedorismo e internacionalização.
Este projeto, que tem âmbito regional, está orientado para o mercado global e visa a estruturação de uma plataforma de serviços partilhados, a conceção de novos produtos e serviços, a promoção da internacionalização, a disponibilização de recursos e competências de Investigação e Desenvolvimento, bem como a criação, gestão e dinamização de quatro polos de Design especializados nas fileiras tradicionais que asseguram a diferenciação de cada território.
No caso do Município de Nelas, pretende-se desenvolver a fileira do vinho através da revitalização e capacitação de negócios e iniciativas empresariais focadas no produto vinho, enoturismo e os demais mercados paralelos no território.
O Protocolo de Constituição desta Rede é suportado por Entidades do Sistema Científico e Tecnológico Nacional, (CTN), nomeadamente os Politécnicos de Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Viseu, as Universidades da Beira Interior e Trás os Montes e Alto Douro, parceiros institucionais como o IAPMEI – Agência para a Competitividade Inovação I.P., AICEP Portugal Global – Agencia para o Investimento e Comercio Externo de Portugal, E.P.E., Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, Direcção Regional de Cultura do Centro, Entidade Regional de Turismo do Centro de Portugal e Pequenas e Médias Empresas dos Territórios de abrangência da Rede.

CM de Nelas