Sub 11 : SL Nelas derrota o Viseu e Benfica por 3-1

Durante a semana, alguns atletas não puderam participar nos dois ou num dos treinos e esta situação condicionou de certa forma a preparação para este jogo. Ao invés, a chuva deu algumas tréguas durante a semana e o relvado apresentou ligeiras melhorias.
Na primeira volta, no campo do Fontelo (caixa de fósforos), a equipa ganhou por 4-0, num jogo em que fizemos todos os golos na primeira parte. Na última jornada, mostrámos alguma ineficácia na concretização, mas esperávamos neste jogo que tal não viesse a acontecer!
Apresentámos como equipa titular Rafa (gr), Daniel, Francisco, Simão, Igor, Tomás e Boto e como suplentes estiveram no banco, Pedro, Ricardo e Tiago. O Martinho, por motivos pessoais não esteve presente.
O jogo começou da melhor forma e aos 3 minutos, o Igor dentro da área rematou forte com o pé esquerdo e abriu o marcador. Com este golo madrugador, a equipa desinibiu-se, apresentou belos lances de jogadas coletivas, mas a finalização, mais uma vez não esteve ao seu melhor. Ficaram na retina várias ocasiões de golo claríssimas desperdiçadas: o Boto isolado dentro da pequena área, na cara do Gr dominou mal a bola e permitiu a interc
eção do adversário; o Igor isolado adiantou ligeiramente a bola e o Gr. antecipou-se; O Simão isolado dentro da pequena área escorregou e falhou o remate; O Tomás a um metro da baliza atirou ao poste; Um remate forte do Francisco, fora da área foi cortado involuntariamente pelo Tomás, quando o Gr. já estava fora do lance; Um cabeceamento do Tomás num canto, por cima da trave.
Fomos para o intervalo a ganhar por 1-0 e o adversário não tinha chegado à nossa baliza! O resultado era completamente injusto e os nossos jogadores sentiram demasiado essa situação.
Na segunda parte, apesar de várias tentativas, a bola não queria entrar e os nossos jogadores mostraram alguma ansiedade, começámos a tentar resolver o jogo à base de jogadas individuais e permitimos 3 contra-ataques perigosos.
Quem não marca, sofre! Esta máxima do futebol acabou por acontecer. Uma bola perdida displicentemente no nosso meio campo, numa tentativa de um passe atrasado, a bola foi interceptada por adversário, que se isolou e o Rafa ao tentar agarrar a bola, acabou por o derrubar e fez penalti. Golo e aos 40 minutos estávamos empatados 1-1! A equipa abalou bastante e no minuto seguinte poderíamos ter sofrido mais um golo. Inacreditável!
Finalmente aos 45 minutos, o Igor em jogada individual magnifica, após um drible sobre um contrário, entrou na área do lado esquerdo e com um remate potente com o pé esquerdo fez o 2-1 num remate indefensável.
A equipa contrária estremeceu e no espaço de um minuto obtivemos mais dois golos, o 3-1 pelo Boto, descaído para a direita dentro da área rematou com qualidade e o 4-1 pelo Ricardo que só teve de agradecer a assistência do Boto e encostar a bola para a baliza.
Uma vitória que poderia ter sido bastante dilatada, mas que a falta de eficácia obrigou a equipa a um esforço suplementar e escusado! Tal como no jogo anterior em Mangualde, criámos as oportunidades necessárias para ganhar com facilidade, mas não as conseguimos concretizar! Esperamos que esta crise de eficácia seja passageira e procuraremos que tal já não venha a acontecer nos próximos jogos.
No final da 16ª jornada, estamos em 2º lugar com 36 pontos, a um dos Pestinhas e com dois de vantagem do Repesenses. A próxima jornada será no dia 13 de Março, vamos jogar com o Viseu 2001 no campo do Fontelo e será a nosso 3ª final! A equipa continua empenhada e tudo fará para dignificar a camisola e o nome do Sport Lisboa e Nelas e conseguir os 3 pontos.
Bancada Nelense