“O Pedra Cancela Seleção do Enólogo é um Dão de estilo jovem e moderno, com uma excelente relação qualidade-preço no seu segmento”

Pedra Cancela em 7º lugar nas melhores compras da revista Wine Enthusiast EUA
Todos os anos a influente revista norte-americana publica o seu “Top 100” mundial das melhores compras de vinhos a menos de 15 dólares: em 2015, o tinto Pedra Cancela Seleção do Enólogo, um Dão de estilo jovem e moderno, foi escolhido pelo críticos desta publicação de referência como uma das melhores relações qualidade-preço em todo o mundo.
A revista norte-americana,uma das publicações de referência no mundo dos vinhos, escolheu o Pedra Cancela  Seleção do Enólogo, um vinho tinto do Dão, como a 7ª melhor escolha mundial nos vinhos vendidos em 2015 a menos de 15 dólares.
Da autoria de João Paulo Gouveia, enólogo e professor universitário de viticultura, e distribuído pela Lusovini, o Pedra Cancela faz parte da lista de 100 marcas que os críticos da Wine Enthusiast escolheram este ano como tendo uma melhor relação preço-qualidade depois de provarem cerca de 19.500 vinhos de todas as latitudes e nacionalidades (ver link: HYPERLINK “http://buyingguide.winemag.com/toplists/2015/bestbuys”http://buyingguide.winemag.com/toplists/2015/bestbuys). A lista é designada como “Top 100 Best Buys”, as cem melhores compras, e premeia a alta qualidade de certos vinhos e a moderação dos preços com que são colocados no mercado.
“É para a Lusovini muito compensador ver reconhecida pela crítica mundial um elemento central da sua estratégia: nas diferentes gamas, a perceção da qualidade do vinho pelo consumidor tem de ser, pelo menos, superior em 50% ao seu preço na prateleira ou no restaurante”, afirma Casimiro Gomes. “O Pedra Cancela Seleção do Enólogo é um Dão de estilo jovem e moderno, com uma excelente relação qualidade-preço no seu segmento”.

Com um preço de 11 dólares nos Estados Unidos, e cerca de 4,5 euros em Portugal, o Pedra Cancela é o segundo vinho português melhor classificado nesta lista que conta com nove vinhos portugueses. “Para além do interesse de cada produtor ou distribuidor, é muito significativo para a ‘marca Portugal’ no mundo dos vinhos que, numa lista com a exigência e com a visibilidade do ‘Top 100’ da Wine Enthusiast, quase 10% dos vinhos sejam portugueses”, afirma Casimiro Gomes. “Atualmente os vinhos produzidos em Portugal são, em qualquer segmento, melhores e mais competitivos do que alguma vez foram”, conclui.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies