Assembleia Municipal aprova por unanimidade recomendação para o Presidente da Câmara renegociar o PAEL. TAXA de IMI foi votada e mantém-se nos 0,5%

Foi ontem em reunião ordinária da Assembleia Municipal de Nelas, que foi aprovada por unanimidade e sob proposta dos grupos parlamentares do PSD e CDS-PP, uma recomendação para o presidente da Câmara Municipal de Nelas, proceder à renenogiação do PAEL (Programa de Apoio à Economia Local) para ter assim, posteriormente, condições para baixar o IMI. Lembramos que Borges da Silva já tinha sinalizado pretender, em 2006, propor a sua baixar para 2017.
Contactado pelo nosso jornal, Borges da Silva, afirmou que “desde a primeiro hora defendi a proposta, pois esse é um grande objetivo que temos, como tenho reafirmado e assim fico satisfeito por estar mandatado para renegociar o PAEL, dentro de um prazo admissível”. A taxa de IMI foi entretanto votada, mantendo-se nos 0,5%,com 13 votos a favor, não tendo havido qualquer proposta no sentido da sua redução.
Manuel Marques, vereador do CDS/PP, veio felicitar todos os que votaram favoravelmente a decisão de renegociar o IMI, na sua página da rede social Facebook : 

“Quero felicitar vivamente todos os Membros da Assembleia Municipal de Nelas, do PPD/PSD, CDS/PP e PS, que ontem aprovaram por UNANIMIDADE, uma proposta de recomendação ao presidente da Camara Municipal de Nelas, para junto do Governo, renegociar o empréstimo do PAEL e a consequente baixa do IMI.

Feliz atitude politica, demonstrando que:

a) A nossa câmara dois anos depois das eleições, demonstra uma estável saúde financeira, que desde a primeira hora, foi sempre essa a minha convicção e que hoje é reconhecida;
b) Quebraram e denunciaram ontem a atitude eleitoralista do presidente da nossa Câmara Municipal, que apenas pretende baixar o IMI em 2016, para ser aplicado exatamente em cima do ato eleitoral.
Efetivamente ontem a verdade, o combate à demagogia eleitoralista teve o seu ponto alto.
Posto isto, parabéns sem exceção a todos os Membros da Assembleia Municipal de Nelas”.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies