57 coelhos bravos apreendidos em viatura Espanhola

Militares do Núcleo de Proteção Ambiental do Destacamento Territorial de Viseu, em colaboração com elementos do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), intersectaram um veículo de matrícula espanhola que procedia ao transporte de espécies cinegéticas, coelho-bravo (Cunículus Cunículus), sem guia de transporte emitida pelo ICNF e respetivos boletins sanitários.
Esta ação permitiu concluir que o suspeito de nacionalidade espanhola vendia as espécies com a finalidade de repovoamento, a um preço inferior ao praticado por detentores de alvará para este efeito.
Os 57 coelhos foram apreendidos e sujeitos a análises sanguíneas para comprovar a sua pureza e estado de sanidade.
O objetivo desta ação é impedir que a libertação descontrolada de espécies no nosso território possa interferir na sustentabilidade das existentes.
Como resultado foi ainda apreendido o veículo ligeiro de passageiros, sendo nomeado fiel depositário o ICNF.
Foi elaborado um auto de contraordenação e um auto de notícia por falsificação de documentos, visto que o suspeito exibiu duas guias de transporte referente a anos anteriores, nas quais se constata de forma grosseira a sua adulteração.

1 comentário a "57 coelhos bravos apreendidos em viatura Espanhola"

  1. Será que um dos coelhos era o passos??? Hiii

Os comentários estão fechados.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies