Autarquia procede a limpezas na Ribeira da Pantanha

     Foi hoje que o Vice Presidente da Câmara Municipal de Nelas, Alexandre Borges,  postou na sua página pessoal do Facebook algumas imagens dos trabalhos de limpeza nas áreas adjacentes da Ribeira da Pantanha, nas Caldas da Felgueira, onde é mais uma vez bem visível a contaminação provocada pelas descargas de efluentes da empresa Sueca, Borgstena.

14 comentários a "Autarquia procede a limpezas na Ribeira da Pantanha"

  1. Parabéns Zé Miguel,as suas reportagens são verdadeiro serviço publico.
    Tem que fazer mais "denuncias" para vermos mais temas resolvidos.

  2. E de louvar a limpeza mas e pena e a queimada!!! Isso e coisa do passado, ainda ninguem ouviu falar em compostagem? Ja bastam os incendios para poluir…

    Senhor presidente e populacao em geral deixem de fazer queimadas pra se verem livres deste tipo de residuos, porque afinal nao e so a papel e o vidro que se pode reciclar. Obrigado em nome do meu filho.

  3. Obrigado Dr. Alexandre Borges, assim a APA o SEPNA, quiça o Ministério do Ambiente, verifica melhor a desgraça da Ribeira da Pantanha.
    Se houver autoridades neste País, as condições estão criadas para atuar.
    E o que fez o seu presidente para que isto acabasse.
    Pelo menos já pagaram à giratória que abriu as valas desde a Borgstena ate à 2ª ETAR de Nelas

  4. Senhor Jornalista.
    Vossa excelência tem uma informação mais privilegiada e mais célere do que o cidadão comum.
    Porque quero participar enquanto cidadão do concelho de Nelas, da obra mais emblemática do meu concelho, realizada por este executivo, muito grato lhe ficaria pela sua informação da data da inauguração.
    Refriro-me concretamente ao muro da Av. João XXIII, em Nelas, aquele muro que fica junto ao café Salinas antigo Elegante dois, ou melhor identificado aquele muro quase confinante com a estrada de acesso às antigas instalações da EDP.
    Tanto quanto eu sei e para igualar a vinda de Paulo Portas à inauguração dos Aquinos, o presidente da Câmara já convidou o seu congénere Presidente da Câmara de Lisboa, Dr. António Costa, Secretário Geral do PS, para essa inauguração.
    Só com uma pequena semelhança os Aquinos Já pagaram o favor a Paulo Portas e como pagará o dono do muro a António Costa.

    • Já porque é que derrubaram o cedro centenário aí existente. Quanto pagam pela madeira de cedro senhor presidente?

  5. Que aguas tão cristalinas!

  6. Sr. Presidente eu também quero um murito

  7. Senhor Presidente eu também quero um murito, com gradeamento e uns sinais toponímicos para a minha loja e já agora que sejam feitos e aplicados pelos funcionários das oficinas municipais.
    Se não for pedir muito arranje-me um terrenito para fazer uma loja no centro de Nelas e eu pago-o a 0,50€ o metro quadrado.
    Vá lá senhor Presidente eu prometo-lhe que depois cá estarei para uma avençazita.

  8. Está a cair-te o mundo em cima, BS!

    • O Mundo ainda é pouco vai ser julgado e não é só nos votos depois MM ( o advogado das causas perdidas) vai defendê-lo em tribunal.

  9. Senhor Presidente quantos almudes de Vinho vendeu ontem em Lisboa, mais a sua vereadora Sofie.
    Segundo foi noticiado pelos órgãos de comunicação social nacionais, vossa excelência já contratou uma empresa de transportes em cisterna da GUARDA, para levar todo o vinho produzido da colheita de 2014, para Lisboa.
    Em nome dos vitivinicultores, os meus sinceros agradecimentos

  10. a indústria não se pode instalar a qualquer preço e além disso não vivemos na china

  11. Estas bocas devem ser para si Sr. José Miguel

    Ora bem, toda a gente sabe que não sou jornalista, provavelmente não tenho capacidade para o ser e muito menos modos financeiros. Digamos que sou um jornalista desencartado com o número de licença em branco. Ora essa minha lacuna desde que sou colaborador do Jornal de Canas de Senhorim a título gratuito não me impediu de receber desde o dia 27 de Junho de 2009 (à cerca de quase 6 anos e conforme foto demonstrativa da veracidade e tal) os “Press Release” (que raio de nome que haviam de inventar) da CMN. Já reclamei pela via que os recebia e nada. Das duas uma, ou é puro esquecimento, erro informático ou então a minha falta de licença. Assim sendo e como não me resta outra alternativa vou tentar juntar uns trocos (para a tirar ou comprar) ou então fazer como antigamente, recortar uns cupões da “Farinha Amparo” que segundo reza a “estória” popular deu a carta de condução a muita gente. Se entretanto, e isto como é uma pagina pessoal, me pudesse explicar devagarinho o porquê, agradecia.

    By Fernando Neto ( Efeneto)

Os comentários estão fechados.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies