Apenas 28 concelhos (9% do total) cobraram a taxa máxima de IMI em 2014, entre os quais Nelas

– Algumas autarquias pretendem renegociar o PAEL (Loulé, Évora, Porto Santo e Borba), com vista a reduzir o IMI 

São diversos os exemplos de autarquias que pretendem ver reanalisadas as condições contratualizadas com o Estado, no âmbito do programa PAEL, que impõe impostos e taxas no máximo, designadamente um IMI altamente penalizador para os munícipes. Em 2014 foram apenas 28 os municípios que cobraram a taxa máxima de IMI, entre os quais Nelas, ou seja, apenas 9% do total.
Para efeitos do disposto no n.º 5 do artigo 6.º da Lei 43/2012, de 28 de agosto, os objetivos e as medidas apresentadas no Plano são objeto de reanálise, pelo município e pela Direção-Geral das Autarquias Locais (DGAL), com uma periodicidade anual, tendo por base mapa a elaborar para o efeito pela DGAL. Ou seja é legalmente possível renegociar o contrato do PAEL e tentar que as taxas de IMI se possam vir a reduzir.
Lembramos que no caso de Nelas, entre 2012 e 2014, a receita da autarquia proveniente deste imposto, mais do que duplicou : de cerca de 800 mil euros, para 2,5 milhões de euros.

33 comentários a "Apenas 28 concelhos (9% do total) cobraram a taxa máxima de IMI em 2014, entre os quais Nelas"

  1. Ehe ehe ehe ehe ehe.

    Os meus sinceros agradecimentos senhor Jornalista por colaborar de uma forma imparcial, na descoberta da verdade.
    O que seria este concelho sem a sua prestigiosa informação.
    Só tenho um receio permanente, que o regime o queira calar!!!
    É isto o que se chama um verdeiro jornalismo, imparcial, sério e sem lápis azul
    Continue que o Povo do nosso concelho saber-lhe á agradecer
    Uma cidadã atenta.

  2. A cidadã atenta tem barba?

  3. Mal dela se certamente não tivesse, seria contra natura!

  4. Dizem-nos fontes oficiais que o Presidente da Câmara Municipal de Nelas teve um indisposição fisica com este artigo. Será verdade?
    Ou começou ao berros:acabem com este jornalistaaaaa, acabem com este jornalistaaaaaaa

    • Alto e pára o baile…. Não confundam a beira da estrada com a estrada da beira. O personagem dos berros e das indisposições é outro e não o citado.

    • Rua com o jornalista! Rua! Rua!
      Foram estas as palavras de BS

  5. Concordo com os parabens ao Sr Jornalista. Verdade acima de tudo, para que ninguém se esqueça quem foram os culpados de termos a taxa de IMI no máximo. Ou a Sra " cidadã " já se esqueceu ? Também me sai do bolso e não me esqueço que os culpados nos desgovernaram durante oito anos e foi por isso e por outras coisas que o povo de Nelas lhes pôs uns patins….

    • Tudo verdade.
      Só falta uma "piquena" adenda: PODE SER RENEGOCIADO.
      Só que dá jeito o montante arrecadado com a subida – não dobrou, triplicou.
      E continuar a falar do passado… e da boa execução orçamental atual e da diminuição do endividamento.
      Como dizia o outro: "é fazer as contas".
      Munícipe Atento.

  6. O nosso amigo Manuel de vila nova anda a ver é se poe a pala no olho aos nelenses e ver se sai "bem no retrato" depois de todas as suas falcatruas Viva o carnaval! Viva o Manuel de vila nova!

  7. e também não esqueçam a contribuição daqueles a que chamam "deputados municipais" que levantam a mão para votar de olhos fechados TAXAS MÁXIMAS-

  8. Isto não tem nada que saber.

    Enquanto lá estiveram tiveram o IMI no máximo
    por duas razões:
    -porque precisavam do dinheiro para fazer muros
    -e tentarem ganhar eleições.

    Sairam e querem exactamente o contrário
    por duas razões:
    -Limparem a imagem perante o povo que paga IMIS
    tentando anular um passado e fazendo-se passar
    por bonzinhos
    -e tentarem que uma baixa do IMI reduza a capacidade
    da actual governação ter liquidez para fazer obras
    que lhes permitam tentar tambem ganhar eleições

    Por isso não adianta estas cambalhotas
    com triplos mortais e condutas carregadas de hipocrisia política

    Um passado que carregou os Municipes com impostos faraónicos não
    se apaga com piruetas que apesar de muito vistosas não passam
    de encenações baratuchas

    O povo tem memória percebe o filme e decidirá na altura própria

    Há condutas que nem o Super Pop com limão lava mais branco, consegue
    apagar.

    • Apoiado. Quem colocou os impostos nos máximos, quem carregou a CMN de boys, acessores alguns vindos de Viseu com pagamentos bem pesados para os depauperados cofres da Autarquia, quem praticou muros e porcos no espeto quem pediu empréstimo de socorro tem muitas dificuldades em agora na oposição aparecer com ar de quem nunca teve nada a ver com isso a defender exactamente o contrário. Essa inversão de posições só vem dar a razão aos que votaram contra vendo por isso avalizada essa votação. O povo em geral está atento excepto porventura os empreiteiros do regime

  9. CHO QUE JÁ CHEGA PARA DESMENTIR AQUELES QUE TÊM DIFICULDADE EM LIDAR COM A VERDADE!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Câmara Municipal de BORBA
    No seguimento o presidente da Câmara afirmou, ser o executivo forçado a propor a
    aplicação da taxa máxima do IMI, em consequência do anteriormente explicado (adesão ao
    PAEL). Todavia, frisou que o actual executivo estaria atento, à evolução do PAEL,
    nomeadamente em relação a uma possível renegociação que permita reduzir a tarifa das
    taxas de imposto anteriormente propostas. ——————————————————————————–

    Que diz a esta intervenção do seu Camarada Presidente de Câmara de BORBA?

    Responder

  10. Pois claro! Foi o Manuel de Vila Nova que andou por aí a avaliar os imóveis. Que os passou de 5000 para 35000 e 50000 euros

  11. SIMPLESMENTE, SENHOR COMENTADOR DAS 00:12, AQUI TEM A RESPOSTA

    NOV
    29
    ARLINDO DUARTE (CDU) critica ferozmente a atitude do presidente da Câmara, Borges da Silva

    INFORMAÇÃO À POPULAÇÃO DO CONCELHO DE NELAS
    Venho por este meio informar a população do Concelho que mais uma vez o Sr. Presidente de Câmara desrespeitou as pessoas na reunião de Câmara e está a usar e abusar da cadeira de presidente para se autopromover em vez de ouvir a população que paga os impostos. Enquanto ele vai para as reuniões de Câmara falar de tudo que lhe vem á cabeça inclusivamente a ofender o Sr. Vereador Dr. Marques com insultos tais como: Palhaço , jerico , doido etc.
    Quando a conversa não lhe agrada interrompe a reunião e vai buscar figos para ofender o Dr. Marques ou então simplesmente interrompe a mesma.
    Como prova da sua má educação na reunião de 26 de Novembro último não me deixou falar nas coisas que eu tinha em carteira, será que só quer que eu fale o que ele quer?
    Assim não Sr. Presidente, e sou um cidadão deste concelho e como tal posso muito bem expor as minhas propostas ou simples opiniões na reuniões que a Câmara leva a efeito e não aceito imposições muito menos ditaduras nem no tempo do Salazar.
    Sim já começo a sentir saudades do último executivo, pois pode não ter feito grandes coisas, mas pelo menos sempre respeitaras as pessoas deste Concelho, enquanto o atual presidente tem sido MAL-EDUCADO
    Mais estou farto das suas propagandas politicam feitas em plano SALÃO-NOBRE da Câmara
    Também não deixa de ser verdade que tem feito algo importante nas limpezas de caminhos , criação de novas empresas como tal mais emprego , recuperação das ETARS e pouco mais pois as ruas estão mais sujas que nunca . Não há placas de sinalização das ruas, a água anda pelas ruas, lombas nem vê-las, barrocas a cheirarem mal junto ás habitações, a construção do novo cemitério nem falar nele, além de outras propostas que já foram apresentadas em reuniões de câmara
    Apesar de não viverem em mar de rosas esta Câmara tem 2 milhões de euros no banco, por isso não serve de desculpas a não feitoria de algumas destas obras.
    LIBERDADE SIM DITADURA NÃO
    PS: Esta nota de informação não é extensiva a mais nenhum elemento da Câmara
    Canas 27.11.2014

    Arlindo Duarte ex. candidato á Junta de Canas de Senhorim

    Publicado 29th November 2014 por CENTRO NOTICIAS

    • Este comunicado vale o que cada um entender que ele vale. Para muita gente vale pouco, apesar de se respeitar a livre opinião de cada um. Todos temos o direito de emitir opiniões estejam certas ou erradas.
      A única questão que se pode colocar é a seguinte. Motivações do autor naquele momento? Há quem pense que se trata de um convite ao sr vereador da oposição para ser candidato pelo partido do autor do texto. Quem sabe uma coligação com o CDS. Em política tudo é possível. Seria a forma deste partido alargar a base de apoio. Era bem esgalhado
      Coligação CDS (C-anas D-uarte e S-enhorim). Parece bem!!!

    • Também parece que aí pela casa amarela há muitas preocupações sobre o entendimento público desta matéria…

  12. Os comentadores dos regime são terriveis, quando não lhes convém vamos abate-los

  13. Meu caro Jornalista permita-me Vossa Excelência que eu opine nesta sua livre página.

    Ao longo dos tempos e dos escritos muito se tem falado sobre as Taxas aplicadas na Câmara Municipal de Nelas, mormente na Taxa do IMI.
    Também se tem falado na possivel renegociação do PAEL, para a diminuião do IMI, o que já aconteceu em alguns Municipios e que o senhor Jornalista muito bem publicou e por isso dou-lhe os meus sinceros parabens.
    Insitentemente fazem ataques cerrados ao vereador da oposição Manuel Marques, como se ele fosse o culpado por tudo de desgraça que aconteceu nos mandatos 2005/2009 – 2009/2013, por ele pedir a redução das taxas, agora que está na oposição.
    Será ele culpado de toda a desgraça, pergunto eu?
    Então o executivo municipal não é composto por sete elementos um presidente e seis vereadores?
    O voto do vereador Manuel Marques não tem o mesmo poder de decisão dos demais elementos?
    Se os outros elementos votassem contra a proposta passava.
    Deixem-se de querer atirar areia para os olhos dos concidadãos, porque isso já não cola. Nós sabemos as motivações do atual presidente de câmara e seus acólitos!
    Mas vamos ao que interessa!!!
    O País esteve quase na banca rota, sem dinheiro para salários e sem dinheiros para pagamento das reformas.
    Com as subidas dos impostos, redução de vencimentos, essencialmente na função pública, o País saiu dos resgate e do pretetorado a que foi sujeito, e não estou aqui a culpar o partido A ou B.
    Hoje, o País depois da austeridade, aumento de impostos, baixa de salários estabilizou as finanças públicas e agora começou a desagravar os impostos dos Portugueses.
    É legitimo que a autarquia tivesse subido os impostos, que foi transversal a quase todod os municipios e agora depois do aumento das receitas e da mininuição das despesas, se tire o pé do acelerador da austeridade e se peça a viabilidade da renegociação do PAEL e a baixa do IMI.
    Só politicos de má fé e seus acólitos podem condenar este procedimento.
    Tenham vergonha e olhem pelo Povo.

  14. Senhor Jornalista!!!
    Já aqui o demonstrou, vossa excelência tem em dia a sua carteira profissional.
    Por isso, peço um especial favor, e certamente outros demais o pedirão, porque será que os utilizadores deste espaço livre e democrático só "malham" no vereador Manuel Marques, em representação do CDS.
    Acredite, que eram importante que aqueles que o fazem e às vezes ultrapassando a linha da razoabilidade, viessem dizer aos seus leitores qual a motivação.
    Ou será tão só e apenas por o senhor ter anunciado a sua candidatura às autarquicas de 2017.
    Como aqui também já foi dito, tudo leva a crer que o Partido Socialista seja Governo e por isso deve o Presidente da Câmara Municipal de Nelas e os seus ……., apetecia-me aqui aplicar um adjetivo muito forte, mas por respeito a este espaço não o faço apaniguados apresentarem um Petição Popular na Assembleia da República para extinguirem as eleições autarquicas e Borges da Silva se manteria no poder "ad iternum"voltando ao antes de abril de 1974.

  15. O Sr Dr. MM julga-se engraçado, mas o sua comicidade resume-se ao ridículo da sua actuação politica. Cada vez mais isolado

  16. Sr. Dr. MM
    Pare de dar graxa ao jornalista, quando se dá graxa a um jornalista tem se a ilusão de poder manipular as noticias. isto é um espaço de comentário aberto a todos, se quer dizer alguma coisa na sua qualidade de representante do povo dê a cara e saia do anonimato, todos conseguem avinhar quais os comentários publicados neste espaço que são da sua autoria (mesmo quando assina "cidadão atento").

  17. Em grande força os "pachecos pereiras" do regime.
    Força camaradas!

  18. Em que á gasto o dinheiro do nosso IMI e para que querem aumentar o preço da água, simplesmente para pagar aos comentadores do regime

  19. Meu caro comentador do regime, 14:29
    Não fulanize tudo no MM

  20. Vamos lá ver!!!
    Então o que o tal Manuel de Vila Nova quer, não é tão só e apenas propor ao governo a renegociação do PAEL
    Então acham que não é correto quando o PAEL foi assinado, 2012 o IMI não era de 800.000,00€ e agora não é de 2.500.000,00€?
    Eu pergunto há ou não condiçoes para renegocioação, conforme as câmaras indicadas no artigo?
    Toda a gente sabe qual é a artimanha do senhor José Borges Silva, Presidente da Câmara de Nelas.
    SE assim não for como paga ele os milhares de euros à empresas da Guarda, os milhares de euros gastos em restaurantes, os milhares, milhares e milhares de euros em publicidade.
    O Manuel de Vila Nova éra "bruto" mas resolvia o problema às pessoas e não faziam o que estes estão a fazer.
    © 2015 Microsoft Termos Privacidade e cookies Programadores Português (Portugal)

    • Era bom que o meu caro se alongasse mais sobre a dita "empresa da Guarda".
      A bem do domínio público…

  21. E o Nicólas Maduro de Vila Nova anda à solta… Saudações Centristas!

  22. "pachecos pereiras do regime"? burro velho já nao aprende linguas, e com esta me fico …

    • Pacheco Pereira, quando líder do grupo parlamentar do PSD durante s governo do Cavaco, ficou famoso por afzer oposição à oposição.

  23. há palhaçadas que mais vale não repetir, as tortas na cara só costumam ter graça à primeira. ou nem isso.

  24. Vamos aguardar serenamente pelo Estudo que o senhor professor de Viseu está a fazer sobre á gua e depois veremos quem tem razão.

Os comentários estão fechados.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies