HOJE nas BANCAS muitas novidades no seu jornal de eleição

 
   Nas vésperas de mais uma edição da FEIRA do VINHO do DÃO – a 23ª e primeira organizada pelo atual executivo liderado por Borges da Silva – o nosso jornal, na sua edição impressa,lança amanhã a grande edição do ano, numa enorme celebração à mais antiga região demarcada de vinhos não licorosos do mundo. O  Vinho do Dão e tudo o que representa para uma região ancestral, recheada de tradições e de muito suor deixado nos magníficos vinhedos que a revestem, será o nosso principal convidado.

   Abrimos com mais uma À MESA COM … José Borges da Silva, presidente da Câmara Municipal de Nelas, que tem também o Dão a “correr-lhe nas veias”. O autarca partilhou connosco, na Taberna do Chef, uma magnífica harmonização de bacalhau à antiga e arroz de cabidela, com 2 grandes representantes deste “terroir”. São muitas as novidades que nos revelou, num descontraída conversa, que promete surpreender.

   Entrevistas de fundo com o vice campeão mundial de “somellier´s”, Manuel Moreira, nosso cronista, Sofia Relvas, vereadora responsável pela organização da Feira, o Sr. Encruzado e um dos principais enólogos da região, Manuel Vieira, agora responsável pela enologia do produtor Nelense Caminhos NaCruzados, Arlindo Cunha, presidente da CVR Dão, que nos fala da rota de enoturismo, e muitas, muitas novidades de alguns dos vitivinicultores “premium” do Dão : Quinta das Marias, Quinta da Fata, Quinta do Sobral, Caminhos Cruzados,Fidalgas de Santar, Quinta do Serrado, Munda, CM Wines (Allgo) e Lusovini, que vai arrancar com um investimento estrutural na Adega de Nelas.
 
   Destacamos também a magnífica casta Alfrocheiro, que tem assegurado um auspicioso futuro no panorama vínico, segundo um especialista Suiço.

  São muitos e bons motivos, em 24 páginas, agora integralmente a cores, para não perder mais uma grande edição do seu jornal.

 Hoje nas bancas nos locais habituais.

26 comentários a "HOJE nas BANCAS muitas novidades no seu jornal de eleição"

  1. No investimento da Lusovini quanto é que vão receber os antigos diretores da Cooperativa ?

  2. Senhor jornalista sei que não vai publicar este simples comentário, não acha uma afronta a rubrica que tem neste jornal que tem o sugestivo título a mesa com…não acha um atentado a miséria de algumas lesslas do nosso concelho que vivem com grandes dificuldades ao ponto de nada terem para comer? achava de bom grado o senhor convidar alguém necessitado para almoçar no tal restaurante e dar esse prazer. Lamento bastante que a sofia e Borges da silva se prestem a uma exposição dessas, o que nos interessa aquilo que comem? O que me interessa se corre nas veias vinho dão. Publique isto se tiver coragem, deste modo irá ser considerado um jornalista isento.

    • Sr. Anónimo das 19:49,
      Deixe-se de demagogia barata, porque não pede ao seu ídolo Jerónimo de Sousa para deixar entrar "os que nada têm para comer" gratuitamente na próxima Festa do Avante e poderem comer à borla?

  3. Senhor comentador … e se se identificasse ? Não acha que prestaria um melhor serviço à comunicação ?

  4. Senhor Diretor do Jornal Folha do Centro Nelas.
    Acredite que não sou o autor do escrito 19:18, do dia 25 de agosto de 2014, que o senhor diretor comentou, pedindo ao seu autor que se identificasse e que naturalmente prestaria um melhor serviço à comunicação.
    Agora sou eu que lhe peço duas coisa:
    1.ª Publique este comentário;
    2.ªDê o senhor o primeiro passo, valorize o seu jornal e este espaço, não publique mais comentários anónimos, e verá que os cobardes se calarão e todos enriquecemos estes espaço.

    • Sr. Anónimo das 23:40,
      "Bem prega Frei Tomás", porque não deu o exemplo e não assinou o seu comentário. O senhor faz-me lembrar o Mário Soares em que o socialismo que advoga é bom, mas para os outros!!!

  5. Caro comentador das 11:36, porque não fez Vossa Excelência o mesmo!
    O ilustríssimo releia o meu comentário e verificará que o qual solicitava o primeiro paço ao senhor jornalista!

    • Caro comentador das 12:43,
      Excelência.
      Não se escreve " primeiro paço", mas sim "primeiro passo". Paço usa-se, por exemplo, em Paços do Concelho. Isto aprendia-se na 4.ª classe de outros tempos.

  6. Onde para a oposição PSD-CDS, para não se manifestar contra estas despesas, bem sabendo que ainda não pagaram as obras e essas sim são uma realidade no concelho.

  7. Senhor Comentador das 13:00
    Muito obrigado pela sua correção e agradeço-lhe o seu concelho de português

    • Caro amigo das 13:07,
      Não tem nada que agradecer, foi uma ironia minha pois eu percebi logo que tinha sido uma distracção sua.
      Nota: o autor não escreve segundo o novo A.O.

    • Já agora, "conselho" 🙂

  8. Então Passos dos Cunha em Santar não se escreve assim: "Passos"

  9. E o Adelino nada diz? Ou já nada manda no moribundo ps de Nelas?

  10. Essa de correr Dão nas veias de BS, coitado do homem….será um fenómeno? Senhor director do jornal por favor ponha lá as aspas, onde fazem falta, sei que disse em sentido figurado, não se esqueça de publicitar este comentário.

    • Muito obrigado por ter corrigido a tempo, e ter feito a pontuação a tempo, assim ficamos a saber que BS, tem sangue de verdade e não vinho do dão! Obrigado senhor director do nosso jornal.

  11. Vimos por este meio divulgar a informação recebida do Instituto da Vinha e do Vinho, sobre interdições na importação pela Rússia, que confirma que os vinhos não estão abrangidos.
    Esta informação baseia-se na legislação da Federação da Rússia, de 20 de agosto de 2014.

  12. Da entrevista do Presidente da Câmara apenas resulta, mentiras e mais mentiras e ataques pessoais a quem ele na campanha eleitoral de 2013, considerou como seu primeiro adversário.
    Resulta também um piscar de olhos ao PSD, para assegurar a sua candidatura, atendendo ao desconforto que paira com ele no Partido Socialista eu já vi este filme em 1985.

  13. Apoio incondicionalmente o comentador das 19:18 do dia 25 de agosto, com mais uma achega é que quem paga somos todos nós como o nosso IMI, que quanto me parece este presidente de Camara não quer baixar como prometeu.

  14. Gostei muito do jornal, senhor diretor estou curioso em saber se o senhor assim o entender, se estamos diante de um jornal democrátivo e não ofensivo da honra e dignidade do visado, já que é uma figura de alto gabarito e que nos representa a todos amigos e não só, neste «a mesa com…» o convidado não achou demasiada e muito bem servida a travessa de bacalhau que faz inveja, aqueles se se podiam satisfazer só com um " quarto da dose", que é apresentada com todo o requinte? Ah falta a cabidela, que inveja! Não se esqueça de publicar, obrigado do leitor atendo.

  15. ÚLTIMA HORA.
    NOTÍCIA DE FONTE SEGURA,« FÁBRICA AQUINOS DE NELAS» ABERTURA OFICIAL DIA 01 DE SETEMBRO DE 2014.

  16. Com quantos trabalhadores?

  17. Ao anunciados 450 diretos e 150 indiretos

  18. Estranhamente, não vejo publicado no jornal o corte dos cedros, que, como noticia local, nos parece de grande relevância!
    Mais estranho o facto de ter sido retirado deste jornal digital a noticia que fazia alusão ao referido assunto e aos comentários, alguns deles , por sinal, até muito bem escritos.
    Será que o diretor deste jornal nos poderá dar algum esclarecimento?

  19. O corte dos cedros não foi publicado na edição impressa, pois a nota de imprensa que recebemos da AZU (e que ainda está publicada neste diário digital) foi posterior ao fecho da edição.

    • Agradecemos o esclarecimento e já constatamos que de facto a nota de imprensa da AZU se mantém publicada neste diário.
      Como leitores assíduos da edição impressa, e porque consideramos de interesse comum e de grande importância ambiental e paisagística o corte dos cedros, gostariamos de ver devidamente tratado este assunto na próxima Folha do Centro NELAS.

Os comentários estão fechados.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies