Companhia das Águas Medicinais da Felgueira assinalou o seu 132º aniversário

Celebrou-se no passado dia 7 de Agosto a comemoração dos 132 anos da
Concessão da Companhia das Águas Medicinais das Caldas da Felgueira. A
utilização das águas termais é secular e está documentada pela primeira vez nas
Memórias Paroquias de 1758, que já referem uma fonte de águas sulfurosas. Foi o
Padre José Ignacio de Oliveira, de Canas de Senhorim que mais promoveu estas águas
medicinais e lá construiu um primeiro balneário feito provisoriamente em
madeira nos inícios do séc. 19 e uma capela em 1818. No dia 7 de Agosto de 1882 foi constituída a Companhia das Águas
Medicinais da Felgueira SA para … “explorar as águas quentes e frias, já bem
conhecidas pelas suas qualidades medicinaes e que nascem no sítio denominado da
Felgueira, próxima do Rio Mondego e da povoação de Valle de Madeiros…”
A construção
do edifício do balneário das termas demorou aproximadamente 5 anos (1882-1887) e
o
Grande
Hotel das Caldas da Felgueira ficou concluído em 1890. Em 1921 as Caldas da Felgueira
foram legalmente consideradas zona de turismo.

Hoje, cento
e trinta e dois anos depois, a estância Termal das Caldas da Felgueira assume-se
como uma das mais conceituadas termas da região centro. Nestas comemorações
simbólicas estiveram presentes no Grande Hotel das Caldas da Felgueira, o
presidente e o vice-presidente da Câmara Municipal de Nelas, numa demonstração
de apoio e de proximidade com esta instituição já secular e que muito contribui
para a promoção turística do concelho de Nelas.

1 comentário a "Companhia das Águas Medicinais da Felgueira assinalou o seu 132º aniversário"

  1. So festas agora perdoem-lhe as rendas!

Os comentários estão fechados.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies