“O Turismo no território da ADD: oportunidades de desenvolvimento”

 É um orgulho para Nelas fazer parte da ADD” referiu Borges da Silva no final da sua
intervenção na conferência subordinada ao tema “O Turismo no território da
ADD: oportunidades de desenvolvimento”, organizada pela Associação de
Desenvolvimento do Dão que decorreu no dia 20 de Maio de 2014, no Auditório do
Edifício Multiusos de Nelas com o apoio do Município de Nelas. Borges da Silva
na abertura referiu que o principal é “atrair pessoas” pois “acho
que é um território com grandes capacidades
”. Existe “muita
identidade religiosa, o vinho, as termas, a nossa simpatia e afabilidade pois
essa é que é a maior singularidade da gente beirã”
. Por sua vez José
Morgado, presidente da CIM disse que “no caminho atravessei todo o território da
ADD”
e sublinhou as mais-valias tais como ” os percursos, as casas
solarengas, as termas e cooperativas. Temos que valorizar este nosso
património”
, referiu ainda que “é muito importante valorizar estas
identidades nomeadamente também o turismo religioso e o turismo termal”
.
Na terceira intervenção da tarde e antes do início da conferência propriamente
dita, Francisco Lopes Carvalho presidente da ADD sublinhou que “foi
graças à ADD que os cinco concelhos se desenvolveram”, “hoje já há grandes
empresários cujo sucesso se deve à ADD”
que “finalmente os concelhos começam a
falar num todo”
e que “a política é os 5 concelhos, não interessa
a cor política, a força única é a força dos 5 concelhos”
. Quanto á
conferencia: Este foi um momento de apresentação dos resultados do estudo,
promovido por esta entidade, sobre a oferta e a procura turística no seu
território de intervenção e de reflexão e debate sobre os desafios relacionados
com os principais produtos turísticos da região: circuitos turísticos do
património cultural e religioso, turismo de natureza, turismo de saúde e
bem-estar e gastronomia e vinhos. Pretendeu constituir-se também como um
momento delineador da estratégia para o seu território, a integrar no DLBC –
Desenvolvimento Local de Base Comunitária 2014-2020.
 A presente
conferência ao remeter um papel de destaque aos cinco Presidentes dos Municípios
da área de intervenção da ADD: Aguiar da Beira, Nelas, Mangualde, Penalva do
Castelo e Sátão, permitiu assegurar um compromisso com o território,
compromisso que passa por um trabalho em rede, em prol do desenvolvimento do
território e da fixação da população.
Das intervenções dos senhores Presidentes ficou
patente que as fragilidades do território podem ser esbatidas com as suas
potencialidades, remetendo a todos os intervenientes (Autarquias, ADD, CIM,
Turismo do Centro e as entidades do sector; restauração, alojamento, animação
turística…), as suas responsabilidades. Foi igualmente alvo de registo a
necessidade de todos os operadores do sector primarem pela qualidade do serviço
que prestam, recorrendo à formação e à certificação de qualidade, porque só
assim será possível fidelizar e captar novos turistas e aumentar a sua
permanência no território.
Complementarmente à apresentação dos resultados do
estudo da oferta e procura turística no território, foi anunciado o primeiro
produto que se constituirá como um instrumento de trabalho para todas as
entidades do sector, um portal, sob a marca registada “d5 Um Dão Cinco Destinos”. Este portal será dinâmico evoluindo ao
longo do próximo período de programação, procurando adequar-se às necessidades
do território e de quem o procura. Numa fase inicial mostrará a região sob a
forma de roteiros: “Um Dão, Cinco
Sentidos”
, “Um Dão, Cinco Sabores”
e “Um Dão, Cinco Experiências”. Este
portal, que se encontra em desenvolvimento, será publicamente apresentado com a
respetiva estratégia de marketing dentro de algumas semanas, sendo também um
ponto alto de todo o trabalho desenvolvido, na medida em que constituirá a efetivação
do trabalho no “terreno”.
Esta conferência foi realizada em moldes diferentes
dos habituais, visando essencialmente promover o debate entre os presidentes
dos municípios e as entidades locais do sector.
O debate com os participantes institucionais: CIM
(Pres. Dr. José Morgado), Centro Regional das Beiras – UCP (Prof. Doutor Aires
do Couto, Prof. Luís Fernandes), CCDRC (Vice-presidente Dr. José Alberto
Ferreira), CVR Dão (Pres. Prof. Doutor Arlindo Cunha), Turismo do Centro (Pres.
Dr. Pedro Machado), Diocese de Viseu (Dra. Fátima Eusébio), Universidade de Aveiro
(Prof. Dr. Artur Rosa Pires), CESAE (Dr. António Silva, Eng.º Jorge Mota) e
outras entidades do sector, foi determinante no reforço dos resultados
alcançados, uma vez que estas entidades deram uma visão estruturada do
potencial turístico do território e do papel de cada um para o sucesso de
todos, num sector em que as parcerias são fundamentais.
Na sessão de encerramento o Sr. Vice-presidente da
CCDRC, Dr. José Alberto Ferreira destacou o papel que o próximo período de
programação, no âmbito dos programas operacionais e temáticos, terá no apoio às
entidades privadas, nomeadamente no desenvolvimento deste sector. O Sr.
Presidente do Turismo do Centro, Dr. Pedro Machado, apresentou com elevada
clareza a necessidade do trabalho em rede, da eficaz interligação de todos os
recursos que diferenciam os territórios, sem nunca esquecer que tudo é feito
para benefício das populações locais.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies