“Gostaria de ver requalificados os edifícios das antigas escolas do 1º ciclo”

Carlos Baptista, presidente da Junta de Freguesia de Beijós, em entrevista ao nosso jornal
O que espera do novo presidente da Câmara, designadamente em termos de parcerias e obras para a sua freguesia? 
Devo dizer que até ao momento, o novo presidente da Câmara tem respondido com prontidão às solicitações da junta de freguesia. Todos sabemos que muita obras a executar dependem da parceria e intervenção direta da Câmara Municipal, uma vez que o orçamento da junta é reduzido para executar obra de maior vulto. O novo presidente da Câmara já nos transmitiu a sua disponibilidade para escutar os nossos pedidos, isto é, aquilo que consideramos mais importante para os habitantes da freguesia. Foi-nos também transmitido que o presidente estará pronto para executar esses mesmos pedidos, mas que perante a atual conjuntura económica e financeira, estas parcerias e obras a executar poderão nem sempre corresponder àquilo por nós ambicionado.
Quais as principais necessidades da freguesia?
As principais necessidades da freguesia passam um pouco pelo dia-a-dia das pessoas… Um caminho para alargar ou asfaltar, a conclusão da rede de saneamento básico, a requalificação dos espaços verdes… Muitas vezes as principais necessidades da população consistem em pequenos arranjos urbanísticos que vão com certeza melhorar a sua rotina diária. Para além disto consideramos que é cada vez mais importante um reforço do apoio social aos idosos e aos habitantes mais carenciados de toda a freguesia. Não nos esquecemos também que temos habitantes na nossa freguesia que estão a 15 kms da sede do concelho, pelo que consideramos que uma das suas necessidades passa igualmente por um maior acesso à cultura e pela dinamização de atividades de lazer. Outro aspeto a ter em conta é o desemprego mas, quanto a isso, infelizmente, a junta de freguesia pouco pode fazer.
Eleito para um mandato de 4 anos, qual a obra que mais gostaria de ver concretizada na sua freguesia neste período? 
Julgo que a questão subentende que deverá haver sempre uma grande obra associada a um presidente de Junta ou da Câmara. Devo dizer que não partilho dessa ideia. Gostaria no final do mandato de ver ultrapassadas algumas das carências estruturais da freguesia e de constatar que os habitantes vêem solucionados alguns dos problemas que me são relatados. É claro que gostaria de ver requalificados os edifícios das antigas escolas do 1º ciclo, não só pela questão afetiva mas também pela criação de mais valias para a freguesia. No entanto, sabemos que isso implica um grande investimento financeiro que neste momento não existe.

Um comentário em ““Gostaria de ver requalificados os edifícios das antigas escolas do 1º ciclo””

Os comentários estão encerrados.