Autarcas consideram adiamento dos IC´s da Serra da Estrela uma “irracionalidade económica”

As comunidades intermunicipais da Região de Coimbra e das Beiras e Serra da Estrela defenderam hoje a conclusão do IC6 e do IC7, considerando o seu adiamento “uma irracionalidade económica”.
As duas comunidades, em conferência de imprensa realizada em Oliveira do Hospital, tomavam posição sobre o Plano Estratégico de Transportes e Infraestruturas (PETI3+) para o período de 2014-2020, que o Conselho de Ministros aprovou na semana passada.
“A exclusão da conclusão do IC6 e IC7 é uma irracionalidade económica face ao volume das exportações dos concelhos servidos e põe em causa dois dos objetivos deste plano : 1 – promover a coesão social e territorial, assegurando a mobilidade de pessoas e bens, em todo o país’ e 2 – contribuir para o crescimento económico'”, afirmaramm os autarcas das duas comunidades num documento distribuído aos jornalistas.

Lusa

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies