Custo da ÁGUA poderá vir a descer nalguns concelhos devido ao novo sistema de gestão no distrito de Viseu

     
    Vão ser criadas três novas empresas, que ficarão responsáveis pela captação, tratamento e venda de água às autarquias do distrito de Viseu. As Águas do Norte atuarão no norte do distrito de Viseu e as Águas do Centro, servirão os concelhos do sul e resultam da fusão dos sistemas multimunicipais de abastecimento que atualmente servem os vários concelhos do distrito. 
      A agregação de sistemas multimunicipais de distribuição da água em alta no país vai reduzir custos operacionais e, em alguns casos, a tarifa cobrada aos municípios, afirmou o presidente da Águas de Portugal (AdP). “Esta agregação de sistemas de água em alta permite poupar custos operacionais, porque quando temos diversas entidades, cada uma com a sua estrutura, e agregamo-las não precisamos de duplicar estruturas e damos-lhe mais eficiência”, afirmou Afonso Lobato Faria à agência Lusa. A fusão das empresas vai “tornar mais justo o preço que o cidadão português paga pela água e pelo saneamento e contribui para sinergias”, que vão “reduzir custos operacionais e tornar as tarifas mais equitativas”, referiu.

3 comentários a "Custo da ÁGUA poderá vir a descer nalguns concelhos devido ao novo sistema de gestão no distrito de Viseu"

  1. Boa tarde!
    Mas que boa noticia e considerando que o concelho de Nelas faz parte dos sistemas multimunicipais de distribuição de água, certamente vamos ter essa benesse, nem tudo é lavar roupa suja.

  2. boa noticia!! a ver vamos, é conhecido o dia seguinte destas fusões, a maioria, senão a totalidade resultaram em aumento de tarifas
    vamos esperar, mas arrisco-me a dizer que o consumidorvai pagar mais, melhor ainda, não arrisco GARANTO.

  3. não tenham dúvidas, o consumidor vai pagar mais

Os comentários estão fechados.

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies