CÂMARA poderá transmitir até 5 hectares de terreno (0,5 €/m2) e compromete-se a fazer arranjos exteriores na unidade industrial dos AQUINOS

     A possibilidade de transmissão, pelo preço de 50 cêntimos o metro quadrado, até 5 hectares de terreno, contíguos às instalações agora adquiridas (antigas da Jonhson Controls), para expansão da sua atividade nos próximos 2 anos, é uma garantida dada pela autarquia de Nelas no protocolo que estabeleceu com a empresa Aquinos, dado “o interesse municipal do projeto”. Para o efeito a autarquia compromete-se a adquirir a área de terreno que seja necessária.
     Outro compromisso do município diz respeito a algumas benfeitorias exteriores ao edifício. O executivo liderado por Borges da Silva decidiu  “proceder à reparação, com eventual substituição do degradado, da iluminação externa”, assim como “a limpeza e desmatação do logradouro” e ainda “o restabelecimento dos fornecimentos de energia elétrica, água e acessos ao edifício e o levantamento topográfico atualizado”.