Sport Lisboa e Nelas liquida dívida à segurança social e navega em águas mais tranquilas

No ano em que vai comemorar o seu 75º aniversário, o
clube Nelense, ao abrigo do perdão fiscal, conseguiu, com a colaboração do
atual executivo camarário (que adiantou 4 mil euros do subsídio da presente
temporada), regularizar totalmente a sua situação perante a segurança social,
numa dívida que chegou a ascender a 100 mil euros. Em reunião de Câmara, o
assunto foi abordado, tendo, quer o presidente da autarquia, Borges da Silva,
quer o vereador do CDS/PP, Manuel Marques, enaltecido a situação. 

Entretanto convidámos o líder da Comissão Administrativa
que está ao leme da coletividade, Luís Ribeiro, para o nosso À MESA COM … na
TABERNA DO CHEF, em Nelas.

O dirigente, na presença de grandes iguarias,
tipicamente Beirãs, como as migas de bacalhau com azeite novo da produção
própria do Chef Francisco Valença e um borrego  assado no forno,
acompanhado por um Touriga Nacional da Vinícola de Nelas, deu-nos conta que
pretende trazer o Sport Lisboa e Benfica a Nelas, talvez em Setembro, para
assinalar em grande o 75º aniversário do clube. Entrámos também na máquina do
tempo e ficámos a saber que foi de dissidentes do Sporting Clube de Nelas
(depois extinto) que nasceu a filial número 16 do Benfica. Os atuais dirigentes
ficarão certamente para a história por terem salvo o lendário clube Nelense da
extinção, que há quase 4 anos parecia iminente. Na edição impressa de Janeiro,
não perca a conversa À MESA COM … Luís Ribeiro.

13 comentários a "Sport Lisboa e Nelas liquida dívida à segurança social e navega em águas mais tranquilas"

  1. Borges da Silva e Manuel Marques de acordo com uma situação que aos poucos se vai regularizando para bem do S L Nelas. Parabéns pela gestão rigorosa e séria que estão a fazer no clube. Aconselho a não perderem a entrevista.

  2. Como um dos sócios mais antigos do Sport Lisboa e Nelas. quero felicitar a sua Comissão Administrativa na pessoa do Sr. Luís Ribeiro, pelo bom trabalho de recuperação financeira do club que está em curso.
    Brindo , também com um Touriga Nacional da Vínicola, os 75 anos do Lisboa e Nelas de que sou sócio desde os 10 anos e que é quase da minha idade!

  3. Sr Jornalista, podia ter convidado o do Canas para ele expliar como se arriuna 3 clubes em apenas 4 anos.

  4. O presidente/treinador foi atempadamente convidado também para este almoço. Depois de ter aceite o convite, na passada Terça Feira informou-me que não poderia estar presente por motivos profissionais, tendo de qualquer forma confirmado que irá dar uma entrevista ao nosso jornal, que será aqui publicada muito em breve, caso tenhamos as suas respostas. Saudações jornalísticas !!

    • Já agora não esqueçam o Sporting de Santar que depois de arruinado pela dupla Mena/Abreu tem atualmente uma excelente comissão de Gestão que pagou todas as dividas e tudo está a fazer para levar de volta o clube ás competições.
      O SCS também merece ser ajudado.

    • Há algumas meses o nosso jornal disso deu conta – Sporting de Santar. É de enaltecer de facto o amor pela terra e pelos clubes, que alguns sócios têm, inclusive em honrar dívidas fruto de gestão desastrosas/danosas !! Sou dos que defendo que a autarquia ao conceder os subsídios deveria auditar de forma regular as contas dos clubes ! É que depois do Nelas e Santar parece que outra "bomba" está prestes a explodir !! José Miguel Silva

    • Não tenham olhos só para o Futebol,é só dar subsidios para pagarem a jogadores fora do concelho , gastem o dinheiro na Formação, com os jovens do concelho e apoiem outras modalidades sem ser só o Futebol, algumas colectividades durante os ultimos anos nada receberam da Camara e parece que assim vai continuar.

    • Que clubes têm formação ou actividade regular anual e não recebem apoios?

  5. Muito bem referido pelo Anonymous9 de Janeiro de 2014 às 17:32, o meu Santar finalmente está a entrar nos eixos depois dos conturbados tempos. É bom para o futebol do concelho que o Nelas se esteja a compor e como no mundo do futebol só espero que em Canas não esteja a acontecer o que o actual presidente fez nos clubes por onde passou.

  6. Agora o Borges da Silva que volte lá a colocar os seus apoiantes/caloteiros

  7. Como antes, segue-se o mesmo caminho; premiar a má gestão. As associações que souberam gerir o orçamento disponível continuam a ver passar os subsídios.
    Habituam estes dirigentes a gerir mal dando apoio a asneira e depois ficam admirados com a quantidade de associações com passivo.
    Sejam homens de bem e comecem a permear a boa gestão e vão ver o crescimento do associativismo com rigor.

  8. Só que estes pagam dividas os outros metiam o dinheiro ao bolso.
    Onde param as contos do Sport Lisboa e Nelas?
    Possivelmente em Inglaterra!

Os comentários estão fechados.